Ilha rebelde ultrapassa quatro séculos celebrando esperança

Do site Maranhão da Gente

saoluisA cidade, chamada carinhosamente de “Ilha Rebelde” pelos seus moradores completa hoje mais um aniversário. Dias atrás as ruas seculares de São Luís foram palcos de grandes manifestações onde a esperança, a mudança e principalmente a transformação das práticas políticas foram as bandeiras abraçadas por quem foi ás ruas manter a tradição de luta desta cidade.

A ilha não tem o nome de rebelde, por acaso, sempre foi uma cidade marcada por tais momentos. As mobilizações de 1951, a  histórica greve da meia passagem em 1979, os comícios na Praça Deodoro no Movimento Diretas Já e no Fora Collor marcaram momentos importantes da capital maranhense que a consolidaram como uma cidade singular e que faz desta característica um dos orgulho dos que nela vivem

Mesmo nos anos de chumbo do regime militar, como em 1979 por exemplo, a ilha mostrou resistência e deu exemplo de mobilização. Assim foi, assim é, e assim sempre será. Pois no coração de cada ludovicense, (  tanto os que aqui nasceram e os que se tornaram filhos adotivos desta acolhedora cidade) pulsa o  compromisso  por valores que a cidade dos azulejos sabe como preservar.

São Luis, 401 anos !Os parabéns devem ser dados a todos os cidadãos das áreas mais nobres a mais humildes. Pois é um privilégio residir em uma cidade que mescla a tradição e o eterna chama do inconformismo, sempre latente em cada um dos moradores de uma ilha, que se orgulha de ser rebelde, por que nunca vai abrir mão da democracia e da liberdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *