Executiva nacional adia decisão sobre segundo turno no PT segundo nota

Documento da Sorg datado de hoje, após a pressão do grupo de Monteiro

Documento da Sorg datado de hoje, após a pressão do grupo de Monteiro

A pressão do grupo de Monteiro sobre a direção nacional do PT surtiu efeito e um membro da Executiva emitiu nota afirmando que a decisão sobre a realização do segundo turno ainda será tomada pela Câmara de Recursos da Direção nacional do PT. A Sorg enviou à Comissão eleitoral do Maranhão ofício afirmando que o processo ainda será julgado. A nacional não descarta a realização do segundo turno, mas pelos problemas do processo eleitoral no Maranhão, adiou a decisão até que julgue os recursos. O detalhe é que a nota é assinada somente por um membro da Sorg, Florisvaldo Souza.

Segundo o documento assinado por Florisvaldo, a demora na apuração e envio dos documentos do Maranhão atrasou também desorganizou o calendário para uma organização de segundo turno. Por isso, avalia que não pode ser realizado já neste domingo (24) a eleição em segundo turno.

“Frente aos impasses existentes, a Câmara de Recursos do Diretório Nacional ou a Comissão Executiva Nacional avaliará o processo e definir como será concluído o PED no Maranhão. Solicitamos que a Secretaria Estadual de Organização do Maranhão encaminhe todas as atas de apuração recebidas no Diretório Estadual, pelo correio ou através da internet, até as 23:59 do dia 12 de novembro de 2013 para subsidiar a análise de recursos por parte desta instância nacional”, diz o ofício.

A chapa de Henrique alega que o documento assinado somente por um membro da Sorg emite apenas a opinião deste e não tem validade em nome de toda a Comissão. O clima ainda é de muita confusão no partido.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *