Orçamento 2014 de prefeitura e governo: quais as prioridades

É uma questão de prioridades a montagem das peças orçamentárias. Enquanto a prefeitura de São Luís priorizou pastas importantes aumentando o percentual de Educação, Trânsito e Saúde, o governo do estado reduziu justamente de pastas com maiores problemas, como Educação, Segurança Pública e o orçamento da Caema.

Prefeitura de São Luís

Orçamento de Edivaldo privilegia Transporte, Saúde e Educação.

Orçamento de Edivaldo privilegia Transporte, Saúde e Educação.

A prefeitura municipal de São Luís previu um orçamento de R$ 2.703.948.882,00 para o ano que vem. É um aumento de R$ 173.645.344,00 com relação o orçamento de 2013 estipulado pela gestão anterior.

A secretaria com o maior orçamento para o ano que vem é a Saúde. A pasta que tem previsão orçamentária de R$ 638.398.088,00. Foi um aumento de pouco mais de R$ 45 milhões em relação ao orçamento de 2013. Apenas para o hospital municipal Djalma Marques, o Socorrão 1, está previsto um orçamento de R$ 86.318.883,00. A pasta teve acréscimo de 7,65%.

A segunda pasta de maior previsão orçamentária é a Educação, com orçamento de R$ 518.915.305,00. A pasta que tem como titular o professor Geraldo Castro foi a que teve maior incremento em comparação com 2013. Foram R$ 70milhões a mais em comparação com o orçamento deste ano. Foi um aumento de 15,2%.

O trânsito e transporte da capital foi a que teve maior aumento em comparação com o ano passado. A pasta teve um aumento de R$ 50.289.504,00 em relação a 2013. A previsão da pasta é de um investimento de R$ 101.077.869,00 ao longo de 2013. Foram 99% a mais em relação a este ano.

Governo do Estado

Orçamento de Roseana tira recursos da Educação, Segurança e Caema.

Orçamento de Roseana tira recursos da Educação, Segurança e Caema.

Em contrapartida, a previsão orçamentária do governo estadual para 2014 justamente desprestigiou pastas de grande importância e que estão sendo alvo de muitas críticas. A principal delas é a que mais tem gerado notícias negativas nas últimas semanas: a segurança.

A segurança pública teve o maior corte do orçamento do governo estadual: R$ 178 milhões. Foi uma redução de mais da metade com relação a 2013. Passou de R$ 310 milhões para R$ 131,5 milhões. Uma redução de R$ 178,4 milhões. São exatos 57,57% amenos. Apesar do grande problema que a segurança pública do Maranhão vem passando, o governo Roseana não teve dó de cortar investimento da pasta.

O secretário de educação do estado, Pedro Fernandes, também parece estar com desprestígio no governo. A pasta administrada pelo deputado federal licenciado teve corte de R$ 23.376.818. Passou de R$ 1,61 bilhões para R$ 1,59 bi. Uma redução de 1,47%.

A Caema também teve redução no orçamento apesar do problema de abastecimento e de saneamento em todo o estado e principalmente na capital. Uma redução de R$ 79.477.219 em relação a 2013. Uma redução de 13,29%.

Mas o orçamento total do governo é maior do que o de 2013. São exatos R$ 222.582.793,00 a mais. Então quem ganhou? Simplesmente a secretaria que mais teve aumento orçamentário foi a de Infraestrutura, que tem como titular o pré-candidato ao governo do estado, Luís Fernando Silva (PMDB). Foi um aumento de 62,57%. Passou de R$259.283.374 em 2013 para incríveis R$ 692.784.557 em 2014.

O orçamento é o retrato fiel da gestão. Assim, cada administração mostra qual é sua prioridade na aplicação dos recursos públicos. Mostra também se prioriza o cidadão ou a política. Os retratos das duas administrações estão à mostra.
.

2 pensou em “Orçamento 2014 de prefeitura e governo: quais as prioridades

  1. CONSEGUIMOS ATRAVÉS DE ESTRATÉGIAS, MILHARES DE SEGUIDORES PARA O SEU PERFIL NO INSTAGRAM.
    Pacote para 10 mil seguidores Globais / R$250,00

    PEDIDOS E INF. somente pelo telefone
    43-3037-1240 / não respondemos via email.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *