Sarney assumiu o governo se dizendo “representante do Brasil da pobreza e do atraso”

Discurso de Sarney ao deixar a Câmara Federal para assumir o governo do Maranhão

Discurso de Sarney ao deixar a Câmara Federal para assumir o governo do Maranhão. Clique para ampliar.

Assim resumiu o Maranhão José Sarney em 1965, quando se despedia do Congresso Nacional para assumir o governo do estado. Passados 48 anos, ele continua sendo a mesma pessoa: “representante do Brasil da pobreza e do atraso”. Aliás, o último representante deste Brasil.

Se o Maranhão era o símbolo de pobreza e atraso no período do Vitorinismo (oligarquia de Vitorino Freire, que dominou o Maranhão antes do Sarneysmo), não mudou nada no período em que o grupo Sarney esteve no poder.

O hoje senador pelo estado do Amapá, continua sendo um dos homens mais influentes da República, com um poder comparável a poucos no país. Ainda assim, nenhum benefício teve o Maranhão com todo o poder de Sarney.

Ainda revivendo a época em que Sarney chegou ao poder, veja ao vídeo Maranhão 66, de Glauber Rocha, qualquer semelhança com o atual quadro do interior do estado não é mera coincidência.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *