Advogado Davi Telles lança sua pré-candidatura a deputado federal

Davi Telles ao lado de Flávio dino e Bira do Pindaré

Davi Telles ao lado de Flávio dino e Bira do Pindaré

Em um evento político-eleitoral que homenageou os grandes heróis da esquerda, o advogado e professor Davi Telles (PSB) comemorou, na quinta-feira (1º de maio), na casa de shows Mandamentos, na Lagoa da Jansen, seu aniversário de 32 anos e lançou sua pré-candidatura a deputado federal.

Como disse o próprio aniversariante, “eu nasci em 23 de abril, dia do meu santo de devoção, São Jorge, mas este ano preferi comemorar numa outra data simbólica, em que pudesse celebrar, ao mesmo tempo, meu Santo Guerreiro e os grandes socialistas de todos os tempos. O 1º de  maio, data que marca a luta dos trabalhadores, foi ideal pra isso. Sou socialista, advogado de trabalhadores e professor de Direito do Trabalho. E essa data, para nós, é muito importante.”

Nas caixas de som, o que se ouvia eram as belas músicas de protesto que fizeram a trilha sonora de gerações mais politizadas. Nas paredes, fotos de grandes líderes e símbolos da esquerda: Allende, Che Guevara, Mandela, Brizola, Miguel Arraes, Niemeyer, Jango, Maria Aragão, Manoel da Conceição…

Mas além de política, o que se viu e sentiu foi arte! A Companhia Pulsar presenteou o aniversariante com uma  pequena apresentação de dança contemporânea e a atriz Maria Ethel interpretou o poema “O Analfabeto Político”, de Bertold Brecht. Até o deputado estadual Bira do Pindaré, companheiro de partido de Davi (PSB), surpreendeu a todos e se lançou numa boa canja de “Terra do Noel”, do compositor maranhense Josias Sobrinho.

Subiram ao palco e homenagearam Davi,  o avô materno, Professor Dimas, o ex-aluno, Igor Barbosa, e Nelsinho, professor e suplente da Câmara Municipal da capital. As 16 horas o pré-candidato a governador pelo PCdoB, Flávio Dino, o deputado Bira do Pindaré e os avós do anfitrião (Maria Lúcia e Reginaldo Telles, Professor Dimas e Dona Gracinha) também falaram em homenagem a Davi.

Na oportunidade, Davi Telles anunciou que é pré-candidato a deputado federal “para ocupar um espaço de esquerda na disputa por uma vaga na Câmara dos Deputados neste momento importante que vive o Maranhão e o Brasil”. Com uma exposição que foi desde a falência do sistema político atual e a necessidade imperiosa da Reforma Política no Brasil até a urgência da democratização dos meios de comunicação do país.

Em um discurso emocionado, Bira do Pindaré ressaltou as qualidades do seu companheiro, e Flávio Dino, que, relembrou o momento em que conheceu Davi – ainda adolescente – e o reencontro, muitos anos depois, com o jovem que no passado ia jogar futebol na sua casa, num  momento em que já estava no Congresso Nacional “quando ele apareceu, vindo do mestrado em Paris, com uma dissertação de mestrado escrita em francês nas mãos me pedindo para eu levar aquele tema de interesse da classe trabalhadora para o Congresso Nacional”. Flávio Dino ainda fez questão de frisar que, na sua opinião, Davi “é um dos melhores quadros da esquerda maranhense hoje.”

Reginaldo Telles,  velho combatente das lutas populares e democráticas no Maranhão usando como mote o tema da ideologia emocionou a todos ao dizer porque chega aos 88 anos com a alma, a cabeça e o coração de esquerda, e que fica muito feliz por ver que o seu neto de 32 anos fez questão de fazer uma celebração aos grandes heróis do socialismo e da humanidade no Brasil o no Mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *