Vereador maranhense renuncia mandato para se dedicar à carreira de professor

Magno Cesariano deixa a tribuna para se dedicar às salas de aula

Magno Cesariano deixa a tribuna para se dedicar às salas de aula

Na cidade de Montes Altos (640 km de São Luís), o vereador Magno Cesário (PV) renunciou ao mandato na última sexta-feira (20). O interessante é que o vereador que vinha tendo certo destaque na Câmara do Município entregou o mandato para seguir a carreira de professor, após passar em concurso público no município de Marabá (PA).

“Quero comunicar minha renúncia expressa, de acordo com o artigo 67, do inciso 1º do Regimento Interno da Câmara Municipal, do mandato que me foi outorgado nas urnas pelo eleitorado montealtense no pleito de 2012”, anunciou na tribuna da Casa.

Magno teve 289 votos em 2012 e venceu a primeira eleição que disputou. O município tem apenas pouco mais de 9 mil habitantes.

A renúncia é praticamente o adeus à carreira política. Apesar da estabilidade do serviço público, o salário de professor Licenciado em Pedagogia é menor do que o de vereador de Montes Altos. Além disso, o cargo eletivo costumeiramente vem cercado de outros benefícios: verba indenizatória, verba de gabinete, cargos do mandato, cargos na prefeitura em troca de apoio entre outros. “A intenção sempre foi a de me preparar para crescer na minha profissão: a de professor”, sintetizou o agora ex-vereador.

A Constituição ainda permite ao vereador acumular outra profissão, desde que tenha compatibilidade de horários. Isso talvez até fosse possível, já que as Câmaras no interior se reúnem uma ou duas vezes por semana.

O titular do Blog entrou em contato com o ex-vereador, que disse que o salário é hoje maior do que o previsto no edital do concurso em 2010, e por ter pós-graduação e carga horária terá salário bem maior do que o de vereador. Ele também ficou ofendido ao ser questionado sobre práticas consideradas normais na classe política para aumentar influência e ganhos. E talvez esta vergonha de certas práticas, seja o principal fator de Magno abandonar a política.

Em seu lugar assumiu o mandato Paulo Araújo (PV).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *