Milhares participam do “Mais Cultura e Turismo” no Centro Histórico

Foto3_Divulgação - Mais Cultura e Turismo

Neste domingo, programação familiar no Espigão, com contação de histórias, Oficina de Dança de ritmos Populares e Afrôs

Na primeira etapa do ‘Mais Cultura e Turismo’ no Centro Histórico de São Luís, a Praça Nauro Machado refletiu a verdadeira essência da democratização do espaço público. Um batalhão encabeçado pelo boi da Maioba, Rosa Reis e Fátima Passarinho, Crioulo Diéé, banda Trítono, Erasmo Dibell e Boi Barrica apresentaram o que o Maranhão tem de melhor: a diversidade cultural. Arte maranhense produzida por artistas da terra, incentivada e prestigiada pelo poder público por meio das Secretarias de Estado da Cultura (Secma) e do Turismo (Setur), órgãos coordenadores do projeto. O projeto direcionado às pessoas que visitam a capital maranhense e aos próprios moradores leva a contação de histórias com Gisele Vasconcelos, Oficina de Dança de ritmos Populares e Afrôs  para o Espigão da Ponta D’areia neste domingo (19).

O ‘Mais Cultura e Turismo’ tem proporcionado oportunidades e atrações para todos.  De acordo com a secretária de Turismo, Delma Andrade, em cada fase do projeto, que acontece em três palcos públicos – em São Luís no Centro Histórico e Espigão Costeiro da Ponta D’Areia e também na cidade Barreirinhas – procurou contemplar o público infantil, adolescente, adulto e os mais experientes.  Aos finais de semana (sábado e domingo), o Espigão apresenta uma programação bem familiar com oficinas de instrumentos musicais, roda de conto de histórias para criançada e apresentações variadas de cantores e grupos maranhenses.

Foto5_Divulgação - Mais Cultura e TurismoNo Centro Histórico as atrações são direcionadas ao público mais adulto, os turistas que visitam o espaço e aqueles que estão saindo do trabalho, e resolvem esticar um pouquinho já que a programação começa pontualmente às 19h. “São opções variadas e que atendem todos os gostos e faixas etárias. Ele, o visitante ou o morador, escolhe aonde ir, pois, garantimos as atrações”, enfatizou a secretária de Cultura, Ester Marques.

Em todos os palcos públicos do projeto ‘Mais Cultura e Turismo’ o turista e o maranhense encontrarão estrutura adequada para levar a família. A segurança está sendo um dos diferenciais nos eventos. Grupos de policiais realizam rondas, e na Praça Nauro Machado funciona uma Base Comunitária da Polícia Militar, que atende toda a região do Centro Histórico e bairros adjacentes. Com a reforma da praça, o frequentador encontra estrutura de banheiros masculino e feminino e para portadores de necessidades especiais. No Espigão e em Barreirinhas, banheiros químicos são instalados para garantir comodidade às pessoas.

A dica é se programar e se integrar a programação que valoriza e prestigia a cultura maranhense. Para este final de semana (18 e 19 de julho), a programação no Espigão da Ponta D´Areia fica por conta da apresentação do Tambor de Crioula Mirim (17h) e Jazz EMEM (19h) e no dia 19 de julho, contação de história com Gisele Vasconcelos (17h), Oficina de Dança de ritmos Populares (18h) e Afrôs (19h).

Na próxima semana a programação retorna ao Centro Histórico na quinta-feira (23) e sexta-feira (24), e no Espigão Costeiro acontece no sábado (25) e domingo (26). O encerramento do projeto será no dia 29 de agosto no Ceprama com Luiz Melodia, Papete e Divinas Foleoas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *