Política maranhense em notas

Intervenções: da Maioba ao Olho d’Água

MAPA MAIOBA OLHO D AGUADentre as intervenções do Projeto Interbairros, parceria do governo do Estado com a Prefeitura de São Luís, a maior intervenção será entre a Estrada da Maioba e Avenida dos Holandeses, onde serão executados 8,5 quilômetros. O trajeto escolhido pelo Interbairros liga a Estrada da Maioba, na altura do Cohatrac, com a Avenida dos Holandeses, próximo aos bairros da Divinéia e Olho d’Água, criando uma via paralela à Avenida São Luís Rei de França. Esta intervenção vai facilitar o trânsito entre o Cohatrac e Olho d’água, oferecendo alternativa aos motoristas que podem assim evitar a Avenida São Luís Rei de França e diminuir o fluxo de veículos nesta avenida.

Escolas que precisam ser extintas 

banheiroescolaÉ preciso relembrar quase diariamente os motivos que levaram o Maranhão a eleger o governador Flávio Dino (PCdoB) para manter o foco do governo nos problemas crônicos. E acabar com as escolas de taipa através do programa Escola Digna é um dos principais (ou o principal). O Ministério Público Federal, em parceria com o MP dos estados, realiza uma expedição que já dura um ano e percorre 25 estados do país. No Maranhão, um exemplo é a escola Municipal José Pessoa, em Peritoró. No anexo que fica distante da sede e atende a outros 34 alunos, quando a vontade de ir ao banheiro aperta, os meninos precisam recorrer a um matagal ao lado da unidade, e as meninas dependem de um biombo de palha, instalado na rua, para fazer suas necessidades. O governo está demonstrando interesse com o Escola Digna. Os municípios devem ter mais interesse ainda aderindo ao programa para que os pequenos maranhenses possam ter as condições mínimas para o aprendizado o mais rápido possível.

Temer dá boquinha a Escórcio

O site da Revista Época revelou que o vice-presidente Michel Temer convidou Chiquinho Escórcio – ex-deputado federal pelo Maranhão – para ser um de seus assessores na Secretaria de Relações Institucionais (SRI). Escórcio deverá receber um salário mensal de R$ 11,2 mil, quantia irrisória se comparada ao patrimônio declarado por ele nas últimas eleições: R$ 26 milhões. Vale lembrar que Escórcio já brigou com o ex-deputado Domingos Dutra em plenário afirmando que Sarney era como um pai pra ele. E o pai conseguiu um guarda-chuva para o filho.

Aprovados projetos que beneficiam militares

ccjA Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Assembleia Legislativa aprovou, nesta terça-feira (14), três importantes proposições do Poder Executivo Estadual. O primeiro trata da questão dos cargos para a promoção dos policiais militares, que inclusive já foi concedida. A segunda medida provisória aprovada pela CCJ trata das vagas para promoções no Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Maranhão. A terceira medida provisória trata do preenchimento da vaga do cargo de presidente da Fundação da Memória Republicana.

Fundação da Memória Republicana sem presidente

fundacaoO deputado Eduardo Braide esclareceu que o governador Flávio Dino enviou a última medida provisória à Assembleia, porque a atual presidente da Fundação da Memória Republicana renunciou e o Conselho Curador da entidade não indicou outro membro.
O parlamentar informou que a Medida Provisória prevê que se o Conselho Curador não enviar lista tríplice em 90 dias, o próprio governador Flávio Dino pode nomear o presidente interino da Fundação da Memória Republicana, até que seja enviada a lista tríplice.

Zé Inácio comemora acordo com índios

zeinacioNa manhã desta terça-feira (14), o deputado Zé Inácio fez pronunciamento sobre o acordo celebrado entre o governo do Estado e os índios Guajajaras. Zé Inácio como presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Minorias, foi o mediador durante as negociações. Na pauta de reivindicações os índios pediam providências da Comissão e dos parlamentares da Casa Legislativa para fazer a mediação junto ao governo estadual. Inácio ressaltou a confiança depositada pelo presidente da Casa, deputado Humberto Coutinho (PDT) e ao governador Flávio Dino (PCdoB), por coordenar as negociações junto com a CDHM.

4 pensou em “Política maranhense em notas

  1. FINALMENTE ALGUEM PENSOU EM UMA MEDIDA SIMPLES E UTIL PRA AJEITAR ESSE TRANSITO. VAMOS AGUARDAR A ENTREGA DESSAS OBRAS PRA VER COMO FIK!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *