MPF apresenta denúncia contra João Abreu pelo Caso Constran

Da GloboNews, em Brasília

joaoabreuO Ministério Público Federal denunciou à Justiça por corrupção o doleiro Alberto Youssef, os ex-funcionários dele Rafael Ângulo e Adarico Negromonte Filho, o ex-secretário da Casa Civil João Guilherme Abreu e o corretor Marco Antonio Ziegert por envolvimento em fraude no pagamento de um precatório no estado.

O documento não inclui o nome da ex-governadora Roseana Sarney, que inicialmente foi apontada por suspeita de envolvimento no episódio.

Segundo a denúncia, Youssef ofereceu R$ 3 milhões em propina para agentes públicos para que a construtora UTC/Constran fosse favorecida e recebesse antes um precatório (título de dívida reconhecida pela Justiça) no valor de R$ 113,3 milhões. Rafael, Adarico e Ziegert são acusados de entregar os valores. O MP quer que os quatro respondam por corrupção ativa.

Já João Guilherme Abreu, segundo a denúncia, recebeu os valores e foi acusado de corrupção passiva. A Justiça ainda precisa receber a denúncia para que os cinco se tornem réus no processo.

Youssef estava no Maranhão para acertar detalhes do pagamento quando foi preso em um quarto de hotel pela Polícia Federal, em março do ano passado, na Operação Lava Jato. Ele foi um dos primeiros delatores e contou que estava no estado para discutir os repasses e percebeu que iria ser preso. O doleiro chegou a dar dinheiro poucas horas antes de ser detido para Ziegert, que estava em outro quarto no mesmo hotel e saiu sem ser pego pela polícia.

1 pensou em “MPF apresenta denúncia contra João Abreu pelo Caso Constran

  1. O desgoverno da megera Roseana Sarney, era mesmo a casa da mãe Joana, quer dizer que todo mundo mandava e desmandava, fazia o que bem entendia, e a megera não sabia de nada?. João Abreu fazia acordo de propina a seu “bel prazer”, recebia a propina gastava distribuia a seus comparsas e novamente a megera Roseana não sabia de nada?. Vai ser desligada assim no inferno!,.
    Por isso mesmo, mesmo assim, essa irresponsável deveria pagar por essa falta de responsabilidade. Se ela vivia no mundo da lua, desligada, concentrada nas suas orgia de jogatina, varando as noites, e não se dava conta que tinha um Estado para administrar, essa louca merecia ser punida da mesma forma do propineiro João Abreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *