Política maranhense em notas

Aposta em eleição sem Castelo e Bira

wellingtonrosefabioOs pré-candidatos de menor expressão nas eleições de São Luís apostam suas fichas em uma eleição sem João Castelo (PSDB) e Bira do Pindaré (PSB). Wellington do Curso (PP), Fábio Câmara (PMDB) e Rose Sales (PMB) sonham com a herança dos votos dos pré-candidatos de maior peso para alavancar e passar logo da barreira dos simbólicos “dois dígitos”. Castelo tem resistência partidária, problemas judiciais e um teto eleitoral baixo para um segundo turno. Bira, um dos pré-candidatos com maior potencial de crescimento, enfrenta a mão de ferro de Roberto Rocha, próximo de tomar o comando do PSB. A partir da saída dos dois do jogo, os três esperam a herança para poder entrar de vez na briga pelo segundo turno, também apostando na tendência de queda de Eliziane Gama. Este é o sonho.

Edivaldo com foco nas obras

paiinacioCom o dever de casa na articulação política bem feito, o prefeito Edivaldo tem focado muito na parte administrativa. Edivaldo está com a coligação praticamente pronta e agora a obsessão é a entrega das Interbairros e requalificação urbana o mais rápido possível, já que a partir de julho, a política reascende e a dedicação do prefeito á campanha será maior. Edivaldo vistoriou algumas dessas obras e exigiu agilidade. A obra da ponte Pai Inácio acelerou muito nos últimos dias.

Rubens Jr. representa contra Bolsonário

Rubens JrUm grupo de parlamentares, entre eles o deputado Rubens Pereira Jr. (PCdoB-MA), foram a Procuradoria Geral da República (PGR), para entrar com uma representação solicitando apuração de responsabilidade em nível criminal, civil e administrativo contra o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), por conta da homenagem ao torturador Brilhante Ustra, durante a votação do impeachment da presidente Dilma. Rubens disse que Bolsonário fez apologia à tortura, o que é inadmissível sob o ponto de vista ético, moral e da dignidade da pessoa humana. A peça foi assinada por deputados do PCdoB, PSOL, PDT, REDE, PT e PV.

Prefeitura de Ribamar paga nesta sexta

DSC_0048O prefeito Gil Cutrim antecipou para esta sexta-feira (dia 29) o pagamento dos salários dos servidores públicos municipais de São José de Ribamar, referente ao mês corrente. A medida visa movimentar a economia da cidade, beneficiar o funcionalismo e homenageá-lo pela passagem do Dia do Trabalho, que será comemorado no domingo. No início do mês, Gil Cutrim concedeu reajuste de 15% na gratificação de natureza especial (risco de vida) para os guardas civis municipais da cidade. Em março, o prefeito já havia concedido novo reajuste salarial, de 13,01%, para os professores da rede municipal de ensino.

Luís Fernando nas regiões limítrofes

luisfernandosilvaA bateria de seminários Planeja chegou à região limítrofe de São José de Ribamar. Realizado pela Executiva Municipal do PSDB ribamarense, o evento já passou pela sede, zona rural, região das vilas e, na última terça-feira, dia 26, ouviu e coletou propostas da população do Parque Vitória, Parque Jair e adjacências. Nesta quinta-feira, dia 28, no colégio Marista (Araçagy), à noite, será realizado o segundo seminário direcionado aos bairros situados na região limítrofe. Na opinião do ex-prefeito, político que quer acertar mais ou errar menos não pode deixar de perguntar para o cidadão o que é para ser feito.

Neto Evangelista na carona

Luis Fernando e Neto Evangelista na quinta edição do PlanejaO secretário estadual de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, aproveita a carona do colega tucano durante o “Planeja” das regiões limítrofes. Pré-candidato a prefeito de São Luís, Evangelista busca absorver a popularidade de Luís Fernando na região para angariar votos em São Luís. Ele disse que participa do projeto para adquirir mais conhecimento da metodologia e, desta forma, editar uma versão em São Luís. Nas últimas semanas, o tucano tem agido como nunca como pré-candidato na capital. Neto sabe que o PSDB está próximo de uma definição e joga pesado pela indicação.

1 pensou em “Política maranhense em notas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *