Pedro Corrêa diz que Lobão e Roseana estavam na partilha do dinheiro desviado da Petrobrás

Pedro Corrêa, Lobão e Roseana: esquema que desviou milhões da Petrobrás

Pedro Corrêa, Lobão e Roseana: esquema que desviou milhões da Petrobrás

A revista Veja publicou do ex-deputado federal pelo PP Pedro Corrêa, preso pela Operação Lava Jato, onde cita vários deputados, senadores, ministros, ex-ministros e, pelo menos, um governador, como corruptos. O ex-ministro Edison Lobão e Roseana Sarney são citados no esquema. Pedro disse estar envolvido propina na Petrobrás desde a década de 70.

O ex-ministro e atualmente senador Edison Lobão tinha participação nos contratos com as grandes empreiteiras. O atual ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, ficava com parte de tudo o que era arrecadado pelo esquema do PMDB. Eduardo Cunha recebeu parte dos 6 milhões de dólares de dinheiro desviado da Petrobrás.

Sem dar maiores detalhes, a Veja afirmou que outros políticos também foram citados na delação de Corrêa: a ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney está entre os citados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *