Política maranhense em notas

Justiça pelo bem-estar de todos

othelino-neto-400x266O deputado Othelino Neto (PCdoB) apelou ao bom senso do poder judiciário para não deixar que empresários que não aceitam a livre concorrência barrem a licitação do transporte na capital. “Confiamos que a Justiça não cederá a esta pressão porque, até como o próprio nome diz, a Justiça, o Poder Judiciário vai zelar pela legalidade e pelo bem-estar de todos”, comentou Othelino ainda antes das Ações na Justiça. O deputado afirmou que a Assembleia estará atenta e permanecerá vigilante com relação ao processo.

Prejuízo a 700 mil ludovicenses

edivaldoholandaO coro contra o golpe dos empresários foi maior na Assembleia. Além de Othelino, Levi Pontes, Edivaldo Holanda (PTC) e Sérgio Frota (PSDB) também se disseram perplexos com a informação. “A licitação que o Prefeito Edivaldo leva a cabo neste momento, nesta cidade, é para por fim exatamente a esse descalabro, a essa falta de respeito para com as mais de 700 mil pessoas que se utilizam do transporte coletivo na nossa cidade”, afirmou Edivaldo Holanda. “Queria dizer que respeito muito a classe empresarial, mas nós vivemos no capitalismo e no capitalismo nós temos que favorecer a livre concorrência”, complementou Sérgio Frota.

Apenas ganhar tempo e atrapalhar

setTendo em vista que o processo licitatório passou por todo procedimento legal, foi amplamente discutido em audiências públicas, em uma audiência na Câmara Municipal que começou pela manhã e terminou tarde da noite, com critérios claros, o que se pode depreender é somente uma tentativa de adiar a licitação por parte dos empresários que entraram com Ação contra a licitação.

Fábio menor e Do Curso cresce

wellingtondocursoÚltimo nome a entrar na disputa pela prefeitura de São Luís, o deputado Wellington do Curso (PP) tem crescido na disputa como terceira via. Como o Blog vem alertando, caso Castelo e Bira do Pindaré não sejam candidatos, Wellington, Fábio e Rose Sales brigam pelo posto de terceira via.Neste contexto, o vereador, que sorria da candidatura de Wellington inicialmente, está cada vez menor na disputa e o deputado estadual ganha terreno.

PSDB tem data para definição

carlosbrandaoO vice-governador e presidente estadual do PSDB, Carlos Brandão, definiu a data para que o PSDB defina sua posição em São Luís. O partido vai reunir dia 20 de maio para definir sobre sucessão municipal. Embora ainda mantenha as pré-candidaturas de João Castelo e Neto Evangelista, o PSDB deverá ir com a deputada federal Eliziane Gama. Eliziane, o suplente de Senador, Pinto Itamaraty, e o deputado federal Carlos Brandão, estão em Brasília onde tratam com o senador Aécio Neves o acordo para que o PSDB seja vice na chapa de Eliziane.

Novo prazo de duplicação da BR-135

frenteparlamentarA Frente Parlamentar em defesa da recuperação e conservação das rodovias federais do Maranhão realizou, na tarde desta terça-feira (10), audiência pública para discutir a situação das BR’s maranhenses. Entre os pontos discutidos, foram esclarecidas questões como duplicação da BR-135, recuperação da mesma via e da BR 222. Durante explanação, o superintendente do DNIT, Gerard Fernandes, informou que a previsão oficial de entrega da duplicação do primeiro trecho da BR-135 é de abril de 2017, sendo que R$ 100 milhões em recursos ainda faltam para conclusão. Ele garante, porém, que o recurso será obtido em forma de emenda impositiva, num aporte total de R$ 50 milhões e R$ 50 milhões já estão empenhados.

 

3 ideias sobre “Política maranhense em notas

  1. Eu queria que Welligton se posicionasse em relação ao processo de licitação do transporte público, quero ver se ele vai fingir que esse golpe contra os ludovicenses não está acontecendo. Só pode está visando algum benefício pra ficar calado dessa forma.

  2. Que a justiça seja feita, e a licitação entre em vigor! O povo precisa de um transporte digno, sem esses empresários fazendo o que bem entendem e não se preocupando em nada com o povo que tanto precisa de locomoção para seus trabalhos e estudos. Sinceramente todos temos que lutar contra esse boicote.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *