Política maranhense em notas

Bira entre PCdoB, PDT e PT

biradopindareO deputado estadual Bira do Pindaré já disse que não fica no mesmo partido do Senador Roberto Rocha. Por isso, está de malas prontas para deixar o PSB. Mas Bira ainda não tem destino certo. O deputado recebeu convites de PDT, PT e PCdoB. Mas está deixando mais para frente sua definição. Bira é um forte nome para a prefeitura de São Luís em 2016. Hoje, ele e Eduardo Braide são os nomes que aparecem com mais chance de protagonizar a disputa de 2020.

Rogério bem próximo do PDT

rogerioQuem está a um passo de acertar com o PDT é o líder do governo na Assembleia Legislativa, Rogério Cafeteira. Rogério se aproximou muito do deputado federal e presidente estadual do PDT, Weverton Rocha, durante a campanha do candidato Edivaldo Holanda Júnior, em São Luís. O próprio Edivaldo também criou uma relação mais próxima com o hoje socialista. As conversas estão adiantadas e Rogério deverá disputar a reeleição pela legenda democrata-trabalhista.

PR pode ser destino de Coutinho

humbertoO presidente da Assembleia Legislativa, Humberto Coutinho, deve deixar o PDT. Apenas em um exercício de observação de cenários e possibilidade, o Blog aposta que o destino de Coutinho deve ser o Partido da República. Não existe ainda convite, mas para as pretensões de Coutinho, seria este o caminho partidário. E pela relação dele com Josimar de Maranhãozinho, presidente da legenda, não teria problemas para a filiação.

Quero bater e ganhar emenda

wellingtondocurso-2Durante o almoço com o governador interino, Humberto Coutinho, na semana passada no Palácio dos Leões, o clima foi de descontração. Por isso não houve sequer uma foto do encontro. Em dado momento do bate papo, o deputado estadual Wellington do Curso (PP) fez uma cobrança a um membro do alto escalão do governo (que não é Márcio Jerry) pelo pagamento de suas emendas. Então, foi solicitado a ele que se defina se quer ser governo ou oposição.

Ausências

andreamuradO deputado Adriano Sarney até iria ao almoço, independente da presença do secretário Márcio Jerry, mas o deputado não estava no Estado. Vale lembrar que Adriano já esteve até em uma mesa com Flávio Dino no Palácio dos Leões quando o governador reuniu a Mesa Diretora da Assembleia que será empossada em 2017. Mas quem realmente não foi e fez questão de dizer que não iria por causa da presença de Jerry foi a deputada Andrea Murad. O curioso é que pela disposição das cadeiras, Andrea sentaria em frente à Márcio, ao lado do líder do governo, Rogério Cafeteira (PSB).

Desculpas

Pedimos desculpas aos leitores pelo ritmo lento de atualização entre esta segunda (7) e terça-feira (8). Estávamos com problemas técnicos já resolvidos. E nesta quarta-feira (9), seguimos com nosso ritmo normal e todas as novidades do mundo político.

2 pensou em “Política maranhense em notas

  1. As pessoas nem sabem se estarão viva em 2020 e já pensam eleições, a sensação que se tem é que tais pessoas só em poder como se este fosse a única coisa que importase

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *