Weverton diz que Temer tenta barrar assinaturas de apoio às emendas da Reforma da Previdência

Em entrevista ao programa Palavra Aberta, da TV Câmara, o deputado federal Weverton Rocha (PDT) falou sobre o posicionamento contrário à Reforma da Previdência nos moldes como apresentado pelo governo Michel Temer. Para Rocha, o governo de Temer não tem legitimidade para tocar a reforma da previdência.

O deputado falou das emendas que apresentou ao projeto e do monitoramento do governo Michel Temer. O deputado maranhense disse que o governo não quer deixar os deputados de sua base sequer assinar o apoio às emendas para que entrem em discussão. Para que a emenda entre em discussão, precisa de apoio de 171 deputados e a oposição tem cerca de 100 deputados. “Por isso estamos ‘chalerando’, com jeito, pedindo, para que deem o direito de pelo menos discutir estas emendas em plenário e dentro da comissão”, afirmou Weverton.

O líder da bancada do PDT disse que se acontecer o absurdo de passar esta reforma, pelo menos os policiais, professores e trabalhadores rurais devem ser preservados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *