Defenestrado do PSB, Roberto Rocha tenta retorno ao PSDB

Depois de ser praticamente descartado no PSB, o Senador Roberto Rocha precisa de uma sigla para ser candidato a governador. Os dirigentes do partido tomaram o comando da legenda em São Luís do filho do Senador, Roberto Rocha Júnior, e entregaram a Bira do Pindaré. Hoje, Roberto está enfraquecido e sem espaço.

Por isto, tenta retorno ao PSDB, com apoio do ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira. Na sua tentativa de retorno, Roberto concedeu entrevista coletiva em Imperatriz e afirmou que tem “alma tucana”. Mesmo com esta “alma”, preferiu deixar a legenda quando era pré-candidato a prefeito em 2012 porque João Castelo iria para a reeleição e como de costume, Rocha não poderia esperar.

O ex-prefeito Madeira, que está sem força no PSDB – perdeu a disputa pelo comando da legenda no Estado para o vice-governador Carlos Brandão – tenta dar alguma demonstração de que pode convencer os caciques do partido da aventura de Rocha. Madeira disse que já tentou com o presidente interino do PSDB, senador Tasso Jereissati, o senador Aécio Neves e o ministro Aloysio Nunes a filiação do Senador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *