Os pertinentes questionamentos de Marcos Silva a Eduardo Braide

O sindicalista Marcos Silva, quadro do PSTU do Maranhão, fez uma série de questionamentos ao deputado estadual Eduardo Braide após uma entrevista do parlamentar à rádio Mirante AM.

Marcos Silva se mostrou “admirado” com a combatividade do deputado, que mais parece estar no primeira mandato ou primeiro cargo público. Envolto na Máfia de Anajatuba, um dos maiores escândalos de corrupção do Maranhão, Braide foi destroçado pelos pertinentes questionamentos de Marcos Silva.

“Transparente”, resta agora ao parlamentar que se vende como o novo na política – apesar de ser filho de político e, desde menino, ganhar sinecuras no poder público – rebater os questionamentos feitos por Marcos Silva. Se ficar calado, com certeza até o próprio Braide consentirá com o que o sindicalista falou.

Confira abaixo as indagações de Marcos Silva:

Ontem sexta feira dia 19 de janeiro eu tive a oportunidade de escutar a entrevista do deputado estadual Eduardo Braide na Radio Mirante AM concedida ao Radialista e ativista de Blog nas Redes Sociais Jorge Aragão no programa “Ponto Final”. Até tentei participar, mas o telefone chamava até cai à ligação e outras e em outros momentos dava sinal de ocupado. Certamente a Oi não estava para democracia no dia de hoje para com minha pessoa.

Mas fico admirado com a combatividade do deputado que parece está no primeiro mandato de deputado ou primeiro cargo público. Contudo vou deixar alguns questionamentos e caso o deputado queira responde que fique a vontade, porém penso ser difícil essa tarefa.

O Eduardo Braide foi presidente da CAEMA durante um período entre 2005 e 2006, então nos diga quais os anteprojetos ou projetos realizados na sua gestão para universalizar os serviços de água e esgoto no estado que ele diz agora que pode ser “bem melhor”?

Vou refrescar a memoria do deputado: a CAEMA foi o seu primeiro emprego público do qual conquistou não por ser especialista estudioso ou ativista do Saneamento Ambiental, mas porque o seu pai finado de mandatos políticos Carlos Braide era influente na Assembleia Legislativa e tinha peso político junto ao governador Zé Reinaldo que resolveu colocar na sofrida empresa de água e esgoto do Maranhão um jovem inexperiente que seria conhecido pelos mais antigos engenheiros como o presidente garotão. Outra questão é que a família Braide tinha empresas terceirizadas na CAEMA, pois esse também foi um dos fatores que levaram a CAEMA a servir de estagio para o garotão. Foi assim ou não?

O deputado Braide também foi Secretario do Orçamento Participativo de São Luís na gestão do finado João Castelo, então me diga quantas plenárias populares foram realizadas durante sua gestão? E quais as obras que resultaram de sua pasta para fazer o município ser bem melhor?

Só lembrando que Braide sabia que se continuasse na presidência da CAEMA não seria eleito deputado, pois a CAEMA estava sucateada.

Agora vamos ao mandato do Eduardo Braide como deputado eleito em 2010. Pergunto o deputado não sabia que a Constituição Federal de 1988 diz que os cargos e empregos públicos devem ser providos por meio de concurso público? Então porque se calou frente aos empregos públicos terceirizados na Saúde e no Sistema Prisional no governo da Roseana Sarney?

O deputado Braide não sabia que a Obra de colocação dos 18 km de Adutora no sistema ITALUIS foi licitada no governo de Roseana Sarney em 2011 e que o prazo máximo para a entrega seria 2013? O deputado também não sabia por que a Obra não foi concluída?

O deputado Eduardo Braide não sabia que existia uma investigação da Policia Federal sobre corrupção na relação dos institutos que gerenciavam as unidades de saúde do estado na gestão do Ricardo Murad?

O deputado Eduardo Braide não assistiu as rebeliões na Penitenciaria de Pedrinhas que resultou até em decapitação de cabeças de presos?

O deputado Eduardo Braide não viu a governadora Roseana Sarney distratar os contratos de prestação de serviços de saneamento básico com os prefeitos dos municípios de Paço de Lumiar e São José de Ribamar para entregar os serviços para a ODEBRECHT?

Por fim para economizar papel só mais uma pergunta: o deputado Braide não sabe que de 2010 a 2014 embora o PIB do estado tenha crescido, mas os indicadores sociais oferecidos à população maranhense em especial aos mais pobres eram sempre os piores do país?

A sorte do Eduardo Braide é que ainda tem abestados para cair nas lábias ensaiadas para enganar os eleitores. Deputado Braide o Maranhão pode ser bem melhor se o povo se livrar de políticos mentirosos e picaretas que só fazem politica pensando em torna a suas próprias vidas bem melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *