Sarney tem colhido fracassos na tentativa de minar base que dá sustentação a Flávio Dino

O jornal O Estado de São Paulo traz matéria, na sua edição de hoje, sobre as motivações que teriam feito o oligarca José Sarney retornar ao Maranhão, inclusive mudando seu domicílio eleitoral – que era no Amapá – para o estado.

De acordo com a reportagem, o ex-presidente tem colhido fracassos na tentativa de minar a ampla aliança que dá sustentação ao governador Flávio Dino. “Articulações para trazer o DEM, PP, PRB até agora falharam. As manobras para filiar a ex-governadora ao DEM e o filho Zequinha (PV) ao PSD também fracassaram”, diz trecho da matéria do Estadão.

Com 14 partidos já fechados em torno da sua reeleição, Flávio Dino implantou um modelo de política democrática e baseada no diálogo que tem atraído, inclusive, aliados historicamente ligados ao clã Sarney. Com isso, além de esvaziar o grupo oligárquico, o governador do Maranhão fortalece sua base em uma união que conjuga apoio político e aprovação popular.

A volta de Sarney ao Maranhão é a última tentativa da oligarquia em retomar o poder, como deixou bem clara a reportagem do Estadão. Entretanto, até o momento fracassada, sobretudo pelo desgaste da família que governou o estado por longínquos 50 anos.

1 pensou em “Sarney tem colhido fracassos na tentativa de minar base que dá sustentação a Flávio Dino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *