Economia: DPE-MA vai acabar locação de veículos e defensores irão circular de Uber

Parece uma ideia extremada, mas é uma realidade que deve chegar em breve para vários setores do serviço público. A locação de veículos é um ralo de gastos grande do setor público. A Defensoria Pública estadual saiu na frente para economizar.

Hoje, a DPE tem uma frota de sete veículos próprios e outros 12 locados. A gestão pretende contratar, por meio de licitação, sistema de transporte individual de passageiro acionado por aplicativo, para atender as necessidades de deslocamento de defensores públicos e servidores, no período da noite, durante a vigência dos plantões.

Segundo levantamento da Divisão de Logística e Consumo Consciente, da DPE/MA, o custo dos deslocamentos em serviço poderá ser reduzido em até 1/3 dos custos atuais, considerando os gastos com veículos próprios. O processo licitatório está em tramitação, mas a gestão adianta que isso não representará, em princípio, o fim da locação de veículos pela instituição. “Embora estejamos cientes das vantagens do transporte de passageiros por aplicativos, no que diz respeito à redução de gastos e à segurança, a nossa intenção é continuar avaliando sua aplicação dentro da nossa realidade, para então verificar a possibilidade de ampliá-lo”, explicou Catarina Pinheiro, chefe da Divisão de Logística, acrescentando que, além de São Luís, o novo serviço será estendido também para o núcleo regional de Imperatriz, nos plantões noturnos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *