Márcio Jerry e Kataguiri trocam farpas por conta da Voz do Brasil

O deputado federal Kim Kataguiri (DEM) começou o mandato apresentando uma proposta acabando com a obrigatoriedade do programa A Voz do Brasil, criado em 1935 pelo então governo provisório de Getúlio Vargas, depois oficializado pelo Estado Novo. O programa tem veiculação obrigatória para todas as rádios com noticiário dos três poderes.

Para Kataguiri, a obrigatoriedade “afronta à liberdade de escolha”, além de “limitar a livre iniciativa do empresário de radiodifusão”.

O deputado Márcio Jerry discutiu com Kataguiri a proposta em plenário e também se manifestou no Twitter sobre a proposta: “O Kim Kataguiri quer colocar restrições à Voz do Brasil, eu defendo a manutenção da Voz do Brasil, uma verdadeira instituição levando informações a todos os rincões do país”.

O presidente do MBL respondeu: “Na verdade, o que defendo é o fim da obrigatoriedade de sua retransmissão. Você sabe disso, te expliquei pessoalmente hoje, no plenário. Nas rádios nas quais o programa encontra audiência, sem dúvidas ele seria mantido. Pode discordar, pode criticar, mas com honestidade, deputado”.

Márcio explicou que não se referiu a qual tipo de restrição. “Queres colocar restrições, sim, como confirmas, não me referi à forma. Expus divergência, com honestidade, deputado”, afirmou.

Pelo visto, os dois ainda terão muitos debates no Congresso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *