Ciro Gomes mostra incômodo com proximidade de Flávio Dino e Lula

O encontro do governador Flávio Dino com o ex-presidente Lula marcado para o próximo dia 6 incomodou o pedetista Ciro Gomes, derrotado nas eleições presidenciais do ano passado.

Ciro, que em várias ocasiões disse ser grande amigo de Dino, segue destilando ódio ao ex-presidente e a quem se aproxima de Lula. Respondendo a uma postagem sobre a visita de Flávio a Lula Ciro respondeu:

“Um pouco de história: em 2010, Flávio Dino apresentou sua candidatura a governador do Maranhão pela primeira vez. Contra Roseana Sarney. Nós do PDT não vacilamos! Apoiamos Flávio Dino na primeira hora! O PT?, bem, o PT local quis apoiar a óbvia mudança no Maranhão. O que fez a atual cúpula do PT, obedecendo cegamente as escolhas de Lula? Apoiou Roseana Sarney!”, escreveu Ciro.

Mas só que em 2010 o PDT teve candidato próprio ao governo do Estado e não apoio Dino como disse Ciro. Além disso, grande parte do PT maranhense estava com Roseana, inclusive quem mandava – o presidente Monteiro e o indicado para o cargo de vice-governador Washington Oliveira.

Se for para lembrar o passado, Ciro construiu sua carreira política bem distante do campo de centro-esquerda e progressista. Enquanto Flávio Dino desde o movimento estudantil sempre militou no mesmo campo, a falta de coerência ideológica é marca da carreira de Ciro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *