UFMA e IFMA sem aula hoje em protesto contra cortes na educação

A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) amanheceu nem aulas e fechada com as manifestações contra o bloqueio de recursos para educação anunciado pelo Ministério da Educação (MEC). O campus do Monte Castelo do IFMA também está sem aula.

A paralisação é somente nesta quarta-feira (15) como parte de uma ação contra o bloqueio de verbas da educação e contra a reforma da previdência declarada pelo governo do presidente Jair Bolsonaro.

Em abril, o Ministério da Educação divulgou que todas as universidades e institutos federais teriam bloqueio de recursos. Em maio, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) informou sobre a suspensão da concessão de bolsas de mestrado e doutorado.

De acordo com o Ministério da Educação, o bloqueio é de 24,84% das chamadas despesas discricionárias — aquelas consideradas não obrigatórias, que incluem gastos como contas de água, luz, compra de material básico, contratação de terceirizados e realização de pesquisas. O valor total contingenciado, considerando todas as universidades, é de R$ 1,7 bilhão, ou 3,43% do orçamento completo — incluindo despesas obrigatórias.

Em 2019, as verbas discricionárias representam 13,83% do orçamento total das universidades. Os 86,17% restantes são as chamadas verbas obrigatórias, que não deverão ser afetadas. Elas correspondem, por exemplo, aos pagamentos de salários de professores, funcionários e das aposentadorias e pensões.

Com informações do G1 Maranhão. 

1 pensou em “UFMA e IFMA sem aula hoje em protesto contra cortes na educação

  1. Porque quando o Lulinha cortou na época verbas das Universidades não houve tanto protesto? Será que o efeito bolsa família ajudou a muitos não lembrar do devido corte? Porque milhões foram gastos nas universidades e Instituto,com obras faraônicas,compras desnecessárias,criação de Rádios,compra de equipamentos para laboratórios que ainda estão embalados, desvio em hospitais conveniados,cabide de emprego sem concurso e outras barbares. Quem aprovou o orçamento de 2019 foi um quase petista disfarçado chamado Temer e uma bancada de corruptos que não se elegeram.No Brasil houve a maior roubalheira jamais vista nesta nação ,por exemplo,a falência da Petrobrás ,uma empresa modelo para os brasileiros que já vinha sendo lapidada e afundou com o pessoal do Lula.( LULA,Zé Dirceu,Pallocci,Jenuino,Dilma,Lideres sindicais ligado ao grupo, Gleice e o marido Bernado,políticos aliados ,empreiteiros etc…) Concertar essa catástrofe que está sendo paga com o sacrifício dos pobres trabalhadores brasileiros e enganados pelo PT,é doido e triste. O bolsa família ,criado pela Ruth Cardoso,que ajudaria o povo sofrido,virou uma roubalheira nacional do PT em nome dos pobres. Contudo, alguém teria que pagar algum dia e como mentira e crime nunca são perfeitos,pegaram pela primeira vez um chefe de máfia burro,que tinha pena de prejudicar companheiros,mas companheiros não tiveram pena de delatar chefe. Pergunto:Onde anda projetos do PT para o Brasil? Tiveram no poder por 13 anos e nada fizeram. Onde esta o projeto Pré-sal tão badalado pelo PT ao mundo? A refinaria falida comprada nos Estados Unidos? As refinarias de Pernambuco,do Ceará e a do Maranhão,que levou muita gente a ruína e até a morte em São Luís? A roubalheira com cursos mal elaborados dentro do estado em instituições e faculdades de renome só pegar na grana ? A prisão ao chefe é pouco,deveria existir outro tipo de castigo para esse canalha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *