Reinaldo Azevedo diz que Bolsonaro deve ser impeachmado pela ameaça ao Maranhão

O jornalista Reinaldo Azevedo afirmou nas redes sociais e em publicação em seu blog que o presidente Jair Bolsonaro deve ser impeachmado pela ameaça de corte de verba e/ou boicote ao Estado do Maranhão para punir o governador Flávio Dino por conta de suas posições políticas.

Para o jornalista, um dos mais influentes do país, Bolsonaro cometeu crime comum de racismo ao se referir aos nordestinos como “paraíbas” de maneira preconceituosa e crime de responsabilidade quando ameaçou boicotar o Maranhão ao afirmar que não deveria ter “nada para esse cara aí”, se referindo ao governador Flávio Dino.

Bolsonaro teria infringido o artigo 6º, item 2, da Lei 1.079 (Lei do impeachment), que determina:

“São crimes de responsabilidade contra o livre exercício dos poderes legislativo e judiciário e dos poderes constitucionais dos Estados (…) usar de violência ou ameaça contra algum representante da Nação para afastá-lo da Câmara a que pertença ou para coagi-lo no modo de exercer o seu mandato bem como conseguir ou tentar conseguir o mesmo objetivo mediante suborno ou outras formas de corrupção”.

Ainda assim, o jornalista diz não acreditar que prospere a denúncia, mas ratifica que é preciso que se deixe a posição e a marca de que o crime de responsabilidade não passou despercebido.

Lei 1.079, a do impeachment)…

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *