Sá Marques destaca falta de UTI na capital

Em pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal, o vereador Sá Marques falou sobre problemas na área de saúde pública do estado, com grande repercussão na vida dos ludovicenses.

Ele falou da situação do cantor e compositor Raimundo João Pinheiro Júnior, o Makarra, que estava esperando uma UTI e não conseguia. Após um vídeo do vereador viralizar na internet, ele foi transferido para uma UTI. Makarra sofreu um Acidente Vascular Cerebral – AVC, é grave e precisa de cuidados especiais.

O vereador ressaltou que, diferente do que foi colocado, sua intenção não era atacar o governador, mas chamar atenção para uma situação, inclusive com muita culpa de prefeitos do interior do Estado, que sobrecarregam os Socorrões em São Luís.

“O problema é a situação instalada de falta de UTI em nosso estado. A maioria das pessoas ficam em unidades semi-intensivas e leitos comuns à espera de uma UTI, que infelizmente o estado não consegue hoje atender esta demanda. O Maranhão também só tem um único equipamento de radioterapia, no Hospital Aldenora Bello. Se alguém é acometido com câncer, a primeira sessão, pela fila de espera, é no mínimo, de um ano, de espera”, afirmou.

O vereador também voltou a pedir a dilação do prazo para defesa e contraditório para a questão dos acúmulos supostamente ilegais de cargos públicos. Centenas de servidores estão com cargos ameaçados por acusação de acúmulo ilegal.

Sá Marques voltou a solicitar também ao secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Ivaldo Rodrigues, para que faça a reforma das feiras que precisarão passar por amplas reformas após TAC assinado com o Ministério Público, para que sejam feitas por etapas, evitando que os feirantes tenham que deixar os locais de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *