Governo do Estado irá construir ponte na Rua da Matança, no Anil

A ligação entre a Rua da Matança e o Alto do Santa Cruz, comunidades localizadas no tradicional bairro do Anil, será facilitado pela construção de duas pontes. A da Matança recebeu ordem de Serviço para construção, emitida pela Agência Executiva Metropolitana (Agem), na tarde desta segunda-feira, 02, ato que contou com presença maciça da comunidade e de lideranças políticas da região.

A ponte será feita em concreto, com 10 metros de comprimento e 5,65 metros de largura, na Rua da Matança. Trata-se de um dos locais de maior mobilidade no bairro e que, em períodos de chuva, sofre com alagamentos. “Ano passado recebemos vídeos em que moradores faziam a retirada de crianças das casas com água até na altura do ombro, situação extremamente perigosa”, revelou o presidente da Agem, Lívio Jonas Mendonça Corrêa.

Segundo ele, os vídeos foram encaminhados para o Governo do Estado. “Apresentamos a situação ao governador Flávio Dino, que determinou a elaboração de projetos para resolver o problema”, afirma Lívio.

Além de auxiliar nos problemas provocados pelas águas das chuvas, a Ponte da Matança irá colaborar para melhoria da mobilidade urbana da região auxiliando na fluidez do trânsito das avenidas principais, que sofrem congestionamentos na maior parte do dia, sobretudo em horários de pico.

O projeto foi elaborado pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) e será executada pela Agem, que também foi responsável pelo processo de licitação e será a fiscal dos serviços. O prazo para execução para a Ponte é de 120 dias, a partir do início da obra.

“É a realização de um sonho, obtido junto ao Governo do Estado, para nossa comunidade”, destacou o vereador Marcelo Poeta.

Outros projetos

O Governo do Estado determinou a execução de mais dois projetos, também pela Agem. Um deles é uma nova ponte, que será interligada à da Matança. Outro é uma passarela. “Este trará mais segurança para os moradores do bairro”, destaca Lívio Corrêa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *