Volta do passe foi solução para manter a meia passagem estudantil

Estudantes têm provisoriamente que comprar o passe escolar

Houve muito questionamento sobre o fato da prefeitura de São Luís voltar com o passe escolar como medida emergencial para que os estudantes não ficassem sem o direito de pagar a meia passagem.

Todo sistema eletrônico integrado é passível de problemas técnicos. Com o sistema de bilhetagem eletrônica de São Luís não é diferente. Lógico que problemas técnicos podem aparecer. Acontece com o sistema da Receita Federal na prestação do Imposto de renda, com as inscrições do Enem entre outros.

Enquanto se conserta o problema, a prefeitura achou uma solução paliativa, que se não é a mais cômoda, é a mais viável para que o estudante não tenha seu direito a meia passagem cerceado: a volta da venda do passe escolar.

Como todos tiveram que comprar ao mesmo tempo, foram formadas grandes filas. Mas os transtornos são menores do que o possível cerceamento do direito à meia passagem.

A perspectiva é que o sistema volte a funcionar amanhã. Mas os passes comprados poderão continuar sendo utilizados. Cada estudante poderia comprar até 10 passes e eles valerão até o dia 30. Ou seja, tempo suficiente para serem gastos.

Por conta de pane no sistema, estudantes voltarão a usar Passe Escolar

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) informou por meio de nota que, para garantir o direito da meia-passagem aos estudantes de São Luís, por causa da pane geral no sistema de recarga de passagens, realizará a venda de passes escolares nos Terminais de Integração e na Central de Atendimento ao Estudante, no Monte Castelo.

A SMTT esclareceu que a venda será realizada mediante a apresentação do cartão estudantil e que o serviço inicia às 16h no Terminal da Praia Grande e na Central de Atendimento ao Estudante; e a partir das 17h nos terminais de integração do São Cristóvão, Cohama e Cohab, permanecendo até às 20h, nesta segunda-feira (17).

Técnicos estão trabalhando para restabelecer, com a maior brevidade possível, o sistema de recarga eletrônica.

Via Sacra do Anjo da Guarda levou multidões para a edição 2017

Durante dois dias, as ruas e avenidas do Anjo da Guarda, em São Luís, foram palco do maior espetáculo ao ar livre do estado: a Via Sacra. Organizado pelo Grupo Independente de Teatro Amador (Grita) e apoiada por meio da lei de incentivo à cultura, pelo Governo do Maranhão, o percurso até a cruz e a ressurreição, eternizados na Bíblia, é encenado no local há 36 anos e levou uma verdadeira multidão para acompanhar de perto a encenação da via-crúcis de Jesus Cristo.

“O incentivo dos Governos estadual e municipal são importantes para a cultura e a Via Sacra do Anjo da Guarda é cultura. A lei estadual de incentivo à cultura só veio para colaborar ainda mais com a o brilho desse grande momento porque era isso que faltava para nossas manifestações culturais, era o reconhecimento e a parceria. Somos gratos pela participação do Governo Estado e esperamos que isso se repita cada vez mais”, explicou Carl Pinheiro, secretário do Grupo Grita e diretor de caracterização da Via Sacra.

Em 2017, o espetáculo teve como tema ‘Quebra as correntes e desbrava-te’, título baseado e contextualizado através do Mito da Caverna, do filósofo Grego Platão, distribuído em cinco pontos principais, o percurso de dois quilômetros surpreendeu fieis e moradores do Anjo da Guarda. “Acompanho a realização da via sacra deste que as ruas por onde passavam eram de chão de terra batida, mas estou surpreso com a produção e a segurança deste ano. Como morador do Anjo da Guarda, fico cheio de alegria em ver a grandeza que esse espetáculo se tornou”, contou o aposentado Anastácio Coelho enquanto esperava a cena da santa ceia, realizada no palco mais moderno da apresentação.

Para José Leitão Junior, morador da Cohab que levou a esposa Erika e os filhos, para acompanhar a apresentação encenado pelo Grupo Grita, além de mostrar para as crianças de 4 e 2 anos toda a importância de conhecer a história de Jesus, o que mais lhe agradou foi o esquema de segurança montado pela Polícia Militar, Policia Civil e Corpo de Bombeiros. “Trazer meus filhos para assistirem ao espetáculo e começarem a entender a importância de Jesus em nossas vidas só foi possível porque sabia que iria encontrar um local seguro para nossa família. As polícias e os organizadores do espetáculo acertaram muito fazendo isso”, contou o auxiliar de montagem.

O coronel, Eduardo Simplício, comandante do CPAM 3, responsável pelo esquema de segurança durante os dois dias de evento, destacou o saldo positivo. “Foram 350 policias trabalhando deste a chegada do público até a dispersão, realizando rondas a pé, de moto, a cavalo e nas viaturas, tudo para garantir que os fiéis pudessem participar desta grande apresentação sem nenhum problema. Os dois dias foram de extrema tranquilidade”, contou o Comandante.

O Espetáculo 
Para esta edição a Via Sacra teve mais de 700 pessoas atuando. Foram 170 caracterizadas de povo, 100 soldados romanos, 180 anjinhos que formam um belíssimo balé, 14 centuriões, 11 carrascos e 115 no corpo de baile, entre outros.

Lewdson Clay, diretor de cena da Via Sacra, conta a importância do teatro para a população do Anjo da Guarda. “Antes de chegar à diretoria de cena, eu já vinha participando diretamente da Via Sacra há 10, mas por ser morador da comunidade, desde pequeno que sou envolvido com esta realização. É uma alegria muito grande porque a Via Sacra proporciona para jovens como eu a oportunidade de viverem de arte, de se profissionalizar no teatro e de ir além”, conta.

Maranhão tem a segunda gasolina mais barata do Brasil

O Maranhão continua na lista dos estados com a gasolina mais barata em todo o Brasil. De acordo com o mais recente levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), os maranhenses pagam o segundo menor preço por litro de gasolina no país.

A pesquisa semanal mais recente, entre os dias 2 e 8 de abril, mostra que a média cobrada no estado foi de R$ 3,533. O valor só não é menor que o de São Paulo. Segundo o levantamento, o preço do litro da gasolina no Maranhão é 11 centavos mais barato que a média nacional.

A continuidade do preço mais baixo em relação a outros estados é explicada em grande parte pela intensa atuação contra fraudes com combustíveis no Maranhão. O Procon e a polícia vêm fiscalizando e punindo irregularidades. No mês passado, 12 pessoas foram presas por adulterar o produto. Cerca de 1,5 mil litros foram apreendidos.

O Maranhão também tem uma das mais baixas tributações estaduais sobre combustíveis. É a sétima menor levando em conta o Brasil todo.

Rodoviários fazem operação tartaruga por uma hora nesta quarta-feira

Protestos contra reforma da previdência em São Luís. Ônibus param parcialmente entre 10h e 11h.

O presidente do sindicato dos rodoviários, Isaías Castelo Branco, confirmou que como parte das manifestações que acontecem em todo país, irá realizar operação tartaruga entre às 10h e 11h na capital maranhense. Neste período vai haver redução da frota em circulação.

Em todo país ocorrem manifestações contra a reforma da previdência. “Vamos conversar co os trabalhadores e usuários sobre a importância do dia de hoje e discutir a reforma da previdência, que também será muito maléfica para o trabalhador do transporte público”, afirmou Isaías ao repórter da Rádio Difusora FM, Bial Mendes.

Neste momento, sindicalistas protestam na Praça Deodoro contra as reformas.

Em Sã Paulo, trens, metrôs e ônibus foram paralisados no início da manhã mas já voltaram a circular. Em Brasília, manifestantes ocuparam o Ministério da Fazenda.

Evitar alagamentos é dever de todos

Lixo obstruiu passagem da água no Rio Calhau e causou alagamentos e erosão

A forte chuva que caiu em São Luís na última quarta-feira (1º) reascende o debate sobre os problemas estruturais e comportamentais em São Luís. A cidade nasceu de forma desordenada e a cada nova construção autorizada, como os grandes prédios do Renascença, não foram previstos os sistemas de drenagem.

Na última quarta, choveu 16,5% do previsto para todo o mês de março. Ou seja, ainda teremos muita chuva este mês. Após as chuvas da quarta, as equipes da prefeitura trabalharam para desobstruir os canais e galerias no Coroado, no Cohafuma, São Francisco, Holandeses entre outros. O problema é a enorme quantidade de lixo tapando os bueiros e bocas de lobo.

Um grande exemplo se dá na rua Santo Antônio, no Calhau, onde a enorme quantidade de lixo descartado de forma irregular obstrui a passagem de água provocando inundações e erosão na pista (fotos que ilustram o Blog).

Máquinas limpam e, logo após, todo tipo de lixo é jogado de forma irregular. Assim é impossível evitar enchentes

É fato que em lugares de alagamento histórico onde a prefeitura fez intervenções, o serviço deu resultado. Não foram registrados alagamentos na Apaco, Santa Clara, Curva do Noventa, elevados, Gangan, Cohatrac e Coroadinho.

Agora, com tantos problemas já históricos e que a prefeitura precisa resolver, a população tem que ajudar não descartando lixo de forma irregular, obstruindo a drenagem. As carretas da prefeitura recolhem de 250 a 300 toneladas somente de lixo descartado irregularmente. Essa enorme quantidade não diz respeito a coleta normal de lixo. Imaginem o quanto de lixo irregular que a prefeitura não dá conta de recolher. A cidade tem um sério problema de descarte irregular que só se resolve com conscientização das pessoas.

Enquanto não houver consciência disso, a cada período chuvoso vamos conviver com as enchentes.

Máquina retira o lixo irregular em pontos do Contorno do Sá Viana. Falta de conscientização

Trabalho de retirada de lixo ao lado da Funasa, no Centro

Defesa Civil emite alerta de tempestade no Maranhão para esta sexta

Não bastasse a forte chuva que caiu em São Luís na noite da última quarta-feira (1º), os problemas com o tempo devem ser mais fortes nos próximos dias. A Defesa Civil emitiu alerta de tempestade para a manhã desta sexta-feira (3).

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), ocorrerão pancadas de chuva localizadas que virão acompanhadas de descargas elétricas, rajadas de vento e acumulados de precipitação pontuais.

A Defesa Civil mapeou 60 áreas de risco em São Luís.

Em tempo: como todos perceberam, a previsão não se concretizou e fez um sol “de rachar”. Mas a perspectiva é de muita chuva no mês de março.

Carnaval em São Luís propicia economia criativa

Vendas na folia garantem renda extra às famílias

Não é novidade para ninguém que em épocas de folia o comércio informal atende a uma demanda de vendas fortuitas ao longo dos dias oficiais de carnaval. Seja a água para saciar a sede, seja adereços de última hora para incrementar a fantasia, a certeza para o folião é a de que ele terá algo para comprar no período de festas.

Vendedores ambulantes experientes, jovens empreendedores e muita determinação, assim foram sendo os dias de vendas do ‘Carnaval de Todos 2017’. Nos circuitos de carnaval espalhados pela capital maranhense encontramos o exemplo de Thiago Beckman, 36 anos, ele afirma que há 5 anos vende bebidas e comidas para frequentadores do circuito Madre Deus e que esse trabalho rende uma quantia significativa para ele.

“Eu trabalho e me divirto. Acredito que nesta época dê para garantir um valor interessante para o restante do ano. Sou morador do bairro da Madre Deus e isso me ajuda na relação de venda com as pessoas, porque sempre posso reestabelecer meu estoque de maneira fácil”, afirma.

Outro exemplo encontrado, mas desta vez no circuito Beira-mar, foi o casal de jovens empreendedores João Urubatan e Lidya Lima. Juntos, eles venderam cerveja artesanal numa espécie de recipiente a qual chamam de “Beer Truck” (algo como “caminhão de cerveja”, em tradução livre).

O jovem casal colocou o empreendimento na rua, junto aos blocos de trio e eles fizeram bastante sucesso no circuito, as vendas só foram crescendo ao longo dos dias de folia, afirma João. “Quando começamos nós acreditamos na ideia e percebemos que tínhamos uma gama de clientes que estavam à espera de um serviço novo, como este e que os atendesse da melhor forma possível, sobretudo em espaços mais abertos como este”, finaliza.

Os circuitos chamam atenção dos foliões e estes acabam pagando por serviços dos mais variados. Serviços que vão das vendas de comidas a produtos de alegoria de fantasia de carnaval. E, se não fosse os dias de folia, certamente não teriam retorno em seus investimentos e na obtenção de renda extra para auxiliar no dia a dia em suas casas.

Bancos reabrem nesta Quarta de Cinzas às 12h

Depois de fechados durante o feriadão de Carnaval, as agências bancárias reabrem nesta quarta-feira (1º) às 12h. A orientação da Federação Brasileira de Bancos (Febraban)  é para que a população utilize os canais eletrônicos e correspondentes para o pagamento das contas no período em que as agências estão fechadas.

De qualquer forma, as contas de consumo como água, energia e telefone e carnês que tiverem os dias 27 ou 28 de fevereiro como data de vencimento poderão ser pagas sem acréscimo nesta quarta‐feira de Cinzas.

Acidente na BR-135 deixa cinco mortos próximo a Itapecuru-Mirim

O período carnavalesco deixa uma tragédia já no primeiro dia. Um acidente com carro de passeio e um caminhão culminou com a morte de cinco pessoas na tarde deste sábado (25  na BR 135, próximo a Itapecuru-Mirim.

O condutor do veículo HB20 preto, de placas OJE 9477, teria perdido o controle do carro, rodado na pista e colidido com o caminhão, de placa AXO 9695. Duas mulheres e três homens estavam no veículo de passeio. Equipes do PRF e do Corpo de Bombeiros estão no local.