EXCLUSIVO – Flávio Dino lidera com larga vantagem pesquisa em Imperatriz

Flávio possui mais do que o dobro das intenções de voto de Roseana em Imperatriz

O instituto Exata realizou pesquisa de intenção de votos para o município de Imperatriz. A pesquisa foi realizada no final de junho e avaliou o cenário para o governo do estado com os principais pré-candidatos. Em uma foi incluído o nome do deputado estadual Eduardo Braide (PMN), que afirma ser pré-candidato a deputado federal, mas sempre tem seu nome ventilado para o governo.

No cenário sem Braide, Flávio Dino lidera com 61%, Roseana Sarney tem 25%, Roberto Rocha aparece com 11% e Maura Jorge com 3%.

Apesar de ser apontado como nome novo que pode entrar em um vácuo, Eduardo Braide não empolga o eleitor de Imperatriz. Com a inclusão do nome do deputado, Flávio Dino possui 60%, Roseana 24%, Roberto 9%, Eduardo Braide 4% e Maura Jorge 3%.

Exata: Eliziane e João Alberto lideram para o Senado

A pesquisa do instituto Exata também aferiu os números de intenção de votos para o Senado. E quando o eleitor é questionado sobre qual a primeira opção para o Senado, o nome que lidera é da deputada federal Eliziane Gama (PPS).

Eliziane foi a primeira opção para 15% dos entrevistas. João Alberto e Sarney Filho empataram em segundo (14%), seguido s de Weverton Rocha (11%), José Reinaldo Tavares (9%) e Waldir Maranhão (8%). Brancos e nulos somam 20% e não sabe/não responderam 9%.

Quando a pergunta é sobre a opção, o senador João Alberto aparece com 13% das intenções de votos, seguido José Reinaldo (10%), Weverton Rocha (10%), Eliziane Gama (9%). Waldir Maranhão e Sarney Filho empatam com 7%. Brancos e nulos somam 31% e não sabe/não responderam 13%.

A pesquisa foi realizada entre 14 a 17 de junho e ouviu 1.404 pessoas. Tem margem de erro de 3.2 pontos percentuais e índice de confiabilidade de 95%.

Primeira opção para o Senado

Segunda opção para o Senado

Dono da Escutec aconselhou Roseana a desistir de candidatura ao governo

O empresário Fernando Júnior, dono da Escutec, aconselhou recentemente a ex-governadora  Roseana Sarney a não disputar a eleição para o governo do estado. O argumento dele foi direto: “Flávio Dino tem 80% de chance de ser reeleito governador”, disse à ex-governadora.

Fernando Júnior teria aceitado a contra-gosto fazer uma pesquisa “tabajara” para tentar animar os seguidores de Roseana Sarney. A falta de confiança foi tamanha que a discussão foi grande se ele ficaria engavetada ou iria para a rua. A decisão foi vazar através de blogs.

“A pesquisa está toda fora de padrão, com critérios que a viciam Por algum motivo o Fernando Júnior aceitou fazer mesmo contra os padrões utilizados normalmente pela própria Escutec”, avaliou um analista de pesquisas que atua no mercado local.

A Escutec sempre faz pesquisas em 40 municípios e agora diz que fez em 80, dando margem para mudanças. Ela também dobrou o número de questionários, uma técnica que pode servir para dar elasticidade aos números.

Espontânea: Flávio Dino vence Roseana com 24 pontos de vantagem

O Blog divulga em primeira mão os números da pesquisa do instituto Exata para governo do Estado. O Jornal Pequeno já havia divulgado os números da pesquisa com relação à avaliação do governo Flávio Dino (veja aqui).

De acordo com o levantamento do instituto que está entre os que mais acerta nas eleições do Maranhão, o governador Flávio Dino lidera a pesquisa espontânea com 36% das intenções de voto. Roseana Sarney tem 12% e Roberto Rocha 1%. Maura Jorge e Edivaldo Holanda Júnior também foram lembrados mas não pontuaram.

A pesquisa tem 1.404 questionários e foi realizada entre os dias 14 e 17 deste mês. A pesquisa tem 95% de confiabilidade e margem de erro é de 3,2%.

Liderança de 30 pontos nos votos válidos

No cenário em que aparecem apenas Flávio Dino e Roseana Sarney, o governador marcou 51 pontos percentuais contra 28 da peemedebista. Outros 16% disseram votar nulo, branco ou nenhum e 5% não sabem ou não responderam. Em votos válidos, a diferença chegaria a 30 pontos.

 

Pesquisa: Flávio Dino lidera com 33 pontos de vantagem

Foi divulgada pesquisa realizada pelo instituto Exata sobre as intenções de voto para o governo do Estado em 2018. É a primeira pesquisa de um instituto com tradição em pesquisas no Maranhão. O levantamento apontou vitória do governador Flávio Dino (PCdoB) ainda no primeiro turno em uma eventual disputa com Roseana Sarney (PMDB).

Flávio Dino marcou 59 pontos percentuais, contra apenas 26% de Roseana. Nulos/brancos marcou 10% e 5% disseram não saber ou não responderam.

A consulta também mostrou a dificuldade da ex-governadora em mudar esse quadro, porque 47% (rejeição) disseram que não votariam nela de jeito nenhum, quase o dobro do número de votos que ela recebeu dos entrevistados.

Foram ouvidas entre os dias 23 e 26 de março 1400 pessoas em 40 municípios do Maranhão.

São Luís é um dos melhores lugares para se viver, diz pesquisa

São Luís está entre um dos melhores lugares do Brasil para se viver. Foi o que apontou um levantamento da revista Veja baseado no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), referência usada para medição de qualidade de vida de uma região.

Na região Nordeste, a capital maranhense tem posição bem agradável. É a quarta cidade que agrega melhores condições para se viver. Fica atrás apenas de Fernando do Noronha (considerado um dos lugares mais aconchegantes do país), Recife e Aracaju. Note que, entre as capitais do Nordeste, São Luís é a terceira melhor.

A informação consta em matéria assinada por Denise Chiarato, da revista Veja, com o título “As melhores cidades para morar em cada região do Brasil”.

Nem o Ibope consegue esconder a liderança de Edivaldo

edivaldo

Até mesmo o Ibope, Instituto que faz o jogo do Clã Sarney e sempre destoa dos demais institutos pode esconder a liderança de Edivaldo Holanda Júnior na corrida eleitoral em São Luís. Mesmo com todos os institutos apontando uma liderança muito mais folgada de Edivaldo, o Ibope deu vantagem apenas de quatro pontos, mas teve que apontar a virada do atual prefeito.

De acordo do instituto a serviço do Clã, Edivaldo lidera com 52% das intenções de votos contra 48% de Eduardo Braide (PMN) na disputa do segundo turno das eleições municipais em São Luís, considerando os votos válidos. Brancos, nulos e indecisos somam 8%. A pesquisa foi realizada nos dias 25 a 27 deste mês e 805 eleitores foram ouvidos. Ela foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo No MA-03448/2016 e tem a margem de erro máxima estimada de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Em comparação com a pesquisa anterior, Edivaldo cresceu seis pontos. Logicamente, o mesmo percentual pra baixo de Braide.

Pesquisa Ímpar: Edivaldo tem 52,6% contra 37,4% de Braide

pesquisaimparO Imparcial – Se a eleição fosse hoje, o candidato do PDT, Edivaldo Holanda Jr., venceria com 52,6% dos votos, aponta o Instituto Impar Pesquisas, contratado pelo Grupo O Imparcial, que edita o jornal Aqui-MA. Eduardo Braide, o concorrente do PMN, tem 37,4%.

Os eleitores que não sabem compõem 4,6%; brancos, nulos e nenhum dos candidatos 4,8% e outros 0,6%. Os dados são da amostra espontânea, na qual não são apresentados os nomes da disputa.

Na modalidade estimulada, na qual são apresentados os candidatos aos entrevistados, Edivaldo aparece com 52,7%, enquanto Eduardo tem 37,8%. Não sabem alcançam 4% e brancos, nulos e nenhum, 5,5%.

A pesquisa foi contratada pelo Grupo O Imparcial e registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo MA-02071/2016. A margem de erro é de 3,0% para mais ou para menos, o nível de confiança é de 95% e o tamanho da amostra é 1100 entrevistados.

Essa é a terceira pesquisa contratada por O Imparcial para as eleições em São Luís. Além de intenção de voto, a amostra levantou dados de aprovação dos governos estaduais e municipal, publicados, com exclusividade, na versão impressa do jornal O Imparcial.

No primeiro turno, a Impar Pesquisas foi uma das que mais se aproximou ao resultado do pleito, exceto pelos números do candidato do PMN, Eduardo Braide, que cresceu na reta final devido à participação do debate da TV Globo.

Pesquisa Exata: Edivaldo lidera com 10 pontos de vantagem

A pesquisa do Instituto Exata, contratada pela TV Guará, mostra o candidato Edivaldo Holanda Júnior (PDT) com uma liderança de 10 pontos de vantagem. Assim como nas outras pesquisas, é preciso levar em consideração os votos válidos, e não a pesquisa estimulada. Ou seja, a liderança leva em consideração apenas os votos nos candidatos, desconsiderando brancos e nulos.

img-20161026-wa0066

Edivaldo tem 55% contra 45% de Eduardo Braide (PMN). Nem a TV Guará, com sua campanha aberta em favor de Braide consegue esconder a liderança de Edivaldo.

A pesquisa Exata/TV Guará ouviu 800 pessoas entre os dias 19 e 21 de outubro e está registrada na Justiça Eleitoral sob o número MA-08089/2016. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos e o grau de confiabilidade é de 95%.

Rejeição 

Braide também já é o mais rejeitado na pesquisa Exata e atinge patamares que impossibilitam o avanço para ser eleito. O candidato do PMN é rejeitado por 41%, enquanto Edivaldo é rejeitado por 35%. Poderiam votar nos dois 19% e 5% não votam em nenhum.

Aprovação do governo Flávio

img-20161026-wa0068

A aprovação do governo Flávio Dino alcance ótimo patamar, de acordo com a Exata. O governo do comunista é aprovado por 62% dos ludovicenses, enquanto 33% não aprovam.

Pesquisa Econométrica: Edivaldo lidera com 13 pontos de vantagem

A cinco dias do 2º turno, o prefeito e candidato à reeleição Edivaldo Júnior (PDT) ampliou para 13,8 pontos percentuais a diferença para o candidato Eduardo Braide (PMN), segundo pesquisa Econométrica, contratada pelo Jornal Pequeno.

votos-validos

Pelo levantamento, Edivaldo tem 56,9% dos votos válidos contra 43,1% de Eduardo Braide. No cálculo dos votos válidos são retirados brancos, nulos e indecisos.

Na pesquisa estimulada, Edivaldo também lidera com 52% das intenções de votos, enquanto Braide tem 39,4%. Brancos e Nulos somam 4,4% e 4,1% não sabem ou não responderam.

A pesquisa foi realizada no dia 20 de outubro e registrada no sistema PESQELE do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o nº MA-04728/2016. Foram realizadas 1014 entrevistas nos bairros e na zona rural de São Luís. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos com um intervalo de confiança de 95%.

EVOLUÇÃO

econometricaevolucao

As três pesquisas realizadas pelo Instituto Econométrica, no 2º turno, apontam crescimento do candidato à reeleição Edivaldo Júnior e queda de Eduardo Braide. Na pesquisa divulgada no dia 14 de outubro, Edivaldo tinha 52,3%, depois no levantamento divulgado no último dia 20 chegou a 52,6% e agora tem 56,9%. Eduardo Braide começou com 47,7%, depois caiu para 47,4% e agora para 43,1% dos votos válidos.

REJEIÇÃO

O Instituto Econométrica avaliou também o índice de rejeição dos candidatos a prefeito de São Luís. Eduardo Braide é o mais rejeitado pelos entrevistados com 44,1%. Edivaldo tem 31,9% de rejeição. Votariam nos dois candidatos 16,7% dos eleitores, enquanto 3,2% não votariam em nenhum dos dois. Não sabem ou não responderam 4,2% dos entrevistados.