Servidores da Câmara municipal de São Luís agora assinam ponto eletrônico

Tendo como escopo um TAC (Termo de Ajuste de Conduta) entre a Câmara Municipal de São Luís e o Ministério Público, os servidores do Legislativo Ludovicense passarão a ter à disposição a assinatura de ponto eletrônico, para a justificação de sua frequência ao local de trabalho, a partir desta quinta-feira, (24)..

São quatro os terminais instalados em espaços de grande visibilidade a todos os funcionários, localizados nos principais pontos de entrada e saída dos trabalhadores. A providência atende a um acordo celebrado entre a Câmara Municipal e o MP, como determinação para o melhor funcionamento do parlamento são-luisense, e o controle da entrada e saída dos servidores.

Segundo a chefe do Setor de Licitação do Legislativo, Silvia Sousa Balbi, os equipamentos foram implantados a partir de um processo ordinário, sem a necessidade de realização de licitação, já que se tratava de uma exigência emergencial a partir de um TAC, e o prazo para o seu cumprimento era bastante exíguo.

Já o secretário Administrativo Itamilson Correia Lima, o assunto é parte de uma norma adotada com objetivo de disciplinar o funcionamento legal e organizatório da Câmara Municipal.

Itamilson Correia Lima falou que após a implantação, estaremos dando início a etapa de alimentação do sistema com informações acerca dos servidores, para em seguida darmos largada na fase de teste. Ele afirmou acreditar que a partir do segundo semestre todo o equipamento estará em pleno funcionamento, “até porque iremos ter um período que passa o recesso parlamentar, o que nos dá um tempo bastante razoável para colocarmos tudo em ordem, conforme determina o acordo firmado no TAC.

Para salvar Roseana da forca eleitoral, jornal da oligarquia novamente ataca adversários

A atitude foi óbvia: nem bem foi anunciada oficialmente a pré-candidatura da ex-governadora Roseana Sarney ao Palácio dos Leões, o jornal da famiglia Sarney retornou com sua pecha de ataque aos adversários. Nem fazem questão de disfarçar a intenção de suas tentativas para salvar Roseana Sarney de derrota nas urnas. Rasteiros e sem fundamentos, o mais novo ataque foi estampado na edição de hoje do jornal O Estado, anunciando uma condenação que nunca existiu ao governador Flávio Dino e ao ex-presidente do Procon, Duarte Júnior, pelo TRE.

O jornal não contextualiza e muito menos explica escondendo, assim que não houve condenação alguma. Tanto Flávio Dino, como Duarte não possuem qualquer problema na justiça, ambos são ficha limpa, fato comprovado facilmente com qualquer pesquisa na internet.

Já o mesmo não pode se dizer de Roseana Sarney e seus aliados, que constantemente têm seus nomes envolvidos em escândalos. Como em 2014, quando ela foi investigada por ter recebido propina do doleiro Alberto Youssef para que o governo do estado antecipasse o pagamento de um precatório de R$120 milhões às construtoras UTC/Constran.

Assim também foi quando seu nome foi lembrado mais uma vez após a prisão do empresário Eike Batista, um dos grandes doares de campanhas eleitorais. Roseana pode ter sido uma das beneficiadas, recebendo R$ 1,5 milhão para campanhas eleitorais.

Enquanto isso, o irmão dela, Sarney Filho (PV), é investigado pelo Ministério Público por usar sua cota parlamentar de passagens para voar ao exterior com a mulher e o filho.

E olha que estes são apenas só alguns dos escândalos dos quais a ex-mandatária e amigos já se envolveram e nunca preencheram uma nota de rodapé do jornal dela, obviamente. Se existe algo que este jornal não quer é informar o povo sobre a verdade.

Comissão de Assuntos Econômicos discute implantação de aplicativo para taxistas no Maranhão

A Comissão de Assuntos Econômicos da Assembleia Legislativa realizou, na manhã desta quarta-feira (23), uma reunião de trabalho com dirigentes do Sindicato dos Taxistas de São Luís.  Eles fizeram um relato da situação em que se encontra a categoria e pediram apoio para que seja implantado no Maranhão um aplicativo que permita a solicitação de táxi pelo aparelho celular.

O presidente do Sindicato dos Taxistas, Renato Medeiros, explicou que o dispositivo permite localizar o motorista cadastrado mais próximo e, assim, a solicitação da corrida. Segundo Medeiros, usuários não pagam nada para baixar e usar o produto.

O presidente da Comissão de Assuntos Econômicos, deputado Bira do Pindaré (PSB), e o deputado Cabo Campos (PEN) ouviram atentamente a reivindicação formulada pelos dirigentes do Sindicato dos Taxistas.

“O pleito formulado nos parece justo. Acho que é uma ideia muito boa. E os taxistas estão buscando legitimamente mercado”, declarou o deputado Bira do Pindaré, manifestando apoio à luta da categoria.

De igual modo, o deputado Cabo Campos também se declarou solidário aos taxistas. “Eles merecem todo o nosso apoio e estão se espelhando em algo que já está dando certo em outras regiões do país”, frisou.

O vice-presidente do Sindicato dos Taxistas, Jean Fábio, informou que o aplicativo funciona como uma espécie de central de táxis, ou seja, o dispositivo localiza o condutor cadastrado que esteja mais próximo do local onde o usuário se encontra e verifica se o motorista pode fazer a corrida. Ele também destacou que o serviço já está disponível tanto em Goiânia, quanto em Curitiba, e deve se expandir para outras capitais.

Ao final da reunião, o deputado Bira do Pindaré anunciou que a Comissão de Assuntos Econômicos irá apresentar à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa uma Indicação solicitando que o Governo do Estado faça um estudo de viabilidade, para que o aplicativo possa ser implantado também no Maranhão.

Ata de sessão é aprovada e convocação de secretário fica mantida

Chico Carvalho, presidindo a sessão, deu por encerrado o caso

Até esta quarta-feira (23) continuava a discussão na Câmara municipal de São Luís sobre a convocação do secretário municipal de Obras e serviços públicos, Antonio Araújo. Os vereadores Paulo Victor e Raimundo Penha alegaram que era preciso dar continuidade a recontagem de votos nominal, que havia começado na sessão anterior e não queriam aprovar a ata.

O vereador Chico Carvalho, que presidia a sessão, insistia na tese de que a pauta estava vencida e a convocação aprova ao ser encerrada a sessão de ontem (22). Depois de muita discussão, ficou aprovada mesmo a convocação.

Mas ainda tem vereadores que questionam se a ata da sessão que convocou o secretário poderia ter sido aprovada sem quórum mínimo. O assunto ainda deve render.

Após acidente doméstico, primeira-dama do Estado passará por cirurgia por conta de fratura na perna

A primeira-dama do Maranhão, Daniela Lima, e a chefe da assessoria especial do governador, Lene Rodrigues, sofreram acidente doméstico durante visita a uma casa que funcionaria como comitê de campanha. Mas não correm maior risco.

Lene Rodrigues sofreu um ferimento na cabeça e deve ficar em observação. Já a primeira-dama Daniele Lima, sofreu uma fratura na tíbia, fíbula e talus e vai passar por uma cirurgia para aplicação de uma placa e parafusos, o que deve facilitar o processo de cicatrização da área atingida.

CONFIRA O BOLETIM MÉDICO DO HOSPITAL UDI

As pacientes Daniela Lima e Joslene Rodrigues deram entrada nesta tarde (22) no UDI Hospital, em razão de acidente doméstico. Daniela Lima permanece internada e vai passar por procedimento cirúrgico em razão de uma fratura na perna. Está sob  cuidados médicos, e sem maiores intercorrências. Joslene Rodrigues permanece
internada, em observação. Daniela Lima está em companhia dos familiares e ainda não tem previsão de alta hospitalar.

Dr, Augusto Cesar Passanezi

Diretor médico – CRM MA 9569

Rubens Júnior endossa discurso por candidatura única a presidente da esquerda

O governador Flávio Dino já havia defendido que os partidos de esquerda tenham um único candidato a presidente da República. Já que hoje o ex-governador do Ceará Ciro Gomes é o melhor colocado sem Lula, ele deveria ser o nome.

“Nós temos uma tese, que o nosso campo político tem que marchar unido”, defendeu o deputado federal Rubens Pereira Júnior (PCdoB), durante entrevista, nesta segunda-feira (21), em São Luís.

Rubens destacou que a esquerda ainda não tem candidatura. “Se o presidente Lula puder ser candidato, ele hoje lidera as pesquisas de intenção de votos no país. Se for impedido, nós ainda defendemos que ainda assim tenhamos um candidato único”, explicou.

O PCdoB tem como pré-candidata a presidente a deputada estadual do Rio Grande do Sul, Manuela D’Ávilla.

 

César Pires diz que falar de reforma de escola como avanço é medíocre

O deputado estadual César Pires deu um testemunho estarrecedor na sessão desta terça-feira (22) na Assembleia Legislativa. Por ser ex-reitor da UEMA e ex-secretário de Educação no governo Roseana, o testemunho do parlamentar chocou ainda mais os que estavam presentes na Casa.

De acordo com César Pires, “falar em reforma de escola como avanço é mediocridade interpretativa”. A afirmação do deputado sarneyzista explica muito de como a oligarquia tratava a educação no Maranhão. É por esse pensamento que o estado possui centenas de escolas de taipa e barro, que foram se formando ao longo de anos de descaso com a educação.

César Pires fez a afirmação depois que o deputado Marco Aurélio listou uma série de avanços na educação do Maranhão, reconhecidas, inclusive, nacionalmente. Mas, para o deputado sarneyzista, isso não significa absolutamente nada. Logo ele, que teve a oportunidade de mudar o triste quadro educacional do estado no regime oligárquico e fez foi piorar. Lamentável!

Câmara deve reverter votação e rejeitar convocação de Antonio Araújo nesta quarta

A Câmara Municipal de São Luís deverá reverter nesta quarta-feira (23) a convocação do secretário municipal de Obras e Serviços de São Luís, Antonio Araújo. A convocação foi aprovada na segunda-feira (21) após a base do governo estar distraída durante a votação e passar rapidamente. A aprovação causou muito discussão e deve ser revertida.

O vereador Raimundo Penha (PDT) evocou o artigo 201 do Regimento Interno da Casa para pedir recontagem de voto nominal, o que na prática, faz com que quem não estava atento e acabou permitindo a aprovação da convocação do secretário possa votar contrariamente.

Nesta terça-feira (22), a discussão foi retomada. Os vereadores Chaguinhas e Pereirinha mantiveram a convocação e Paulo Victor votou contra convocar o secretário. Como as discussões estavam se alongando, a votação foi suspensa já que a Casa ainda recebeu a visita do presidente do Tribunal de Justiça e já estava prevista a paralisação dos trabalhos mais cedo.

A votação deve ser retomada nesta quarta-feira (22) e a tendência majoritária é que o requerimento seja rejeitado.

Temer desiste definitivamente de candidatura e Roseana poderá escondê-lo na campanha

Aliada de primeira ordem e com todas as vantagens do governo federal, Roseana quer esconder Temer de sua campanha e respira aliviada porque ele não será candidato

Para alívio da ex-governadora Roseana Sarney, o presidente da República Michel Temer está fora das eleições deste ano. Temer vinha ensaiando a possibilidade de ser candidato à reeleição apesar do altíssimo índice de rejeição. No Maranhão, o presidente tem a pior avaliação possível.

Caso fosse candidato, Roseana Sarney não teria como esconder que é candidata de Temer, sendo do mesmo partido do presidente. A ex-governadora, mesmo sendo do mesmo partido do pré-candidato apontado por Temer, Henrique Meirelles, pelo menos não terá a figura do próprio “vampirão” no horário eleitoral assombrando ainda mais sua candidatura. Mas certamente, os adversários não esquecerão de mostrar ao eleitor que Roseana é a candidata de Temer.

“Tenho enorme prazer de dizer que ficarei orgulhosíssimo se um dia Meirelles for proclamado, pelo voto popular, presidente da República Federativa do Brasil”, declarou Michel Temer. Ao que o público presente aplaudiu a frase, mas sem o entusiasmo desejado, Temer ponderou que é preciso “animar um pouco o auditório”.

“Meirelles, você tem todas as condições para estar à frente não só de nosso partido, mas da própria campanha eleitoral e, naturalmente, será uma surpresa.”

Bira e Edilázio trocam farpas e acusações na Assembleia

A sessão foi quente na Assembleia Legislativa do Maranhão. Os deputados Bira do Pindaré e Edilázio Júnior tiveram uma discussão muito ríspida.

Bira disse que Elizágio só se elegia com a “canetada” da juíza, se referindo a sogra do deputado, desembargadora Nelma Sarney. Edilázio disse que Bira foi acusado de desviar recursos da da delegacia regional do trabalho.