Revoada de tucanos do PSDB fortalece reeleição de Flávio Dino

O vice-governador Carlos Brandão mostrou força política ao reunir quase a totalidade dos 30 prefeitos do PSDB em evento do seu novo partido, o PRB, na semana passada. A tendência, segundo os tucanos, é que o partido fique, no máximo, com um ou dois gestores municipais, já que os 27 presentes ao evento ratificaram a posição de sair da legenda.
Além dos prefeitos, os deputados estaduais Neto Evangelista e Sérgio Frota devem deixar o PSDB, assim como o suplente Marcos Caldas. A debandada tucana após o golpe do senador Roberto Rocha, novo presidente do partido, vai fortalecer ainda mais o campo de alianças do governador Flávio Dino, já que os dissidentes migrarão para legendas que apoiam o atual projeto de mudanças para o Maranhão.
Inerte até o momento por estar de férias em Miami, Roberto Rocha terá trabalho para honrar com a garantia de que para cada prefeito que saísse do PSDB, ele iria filiar um novo.
Carlos Brandão, por sua vez, segue se movimentando e se viabilizando, cada vez mais, para continuar como vice-governador. Se esse for seu desejo, ele tem mostrado reunir todas as condições para a tarefa, já que, mesmo com a inesperada decisão da Executiva Nacional do PSDB de interferir no diretório estadual para atender aos caprichos de Roberto Rocha, Brandão mostra que sai maior do que o próprio partido tucano no Maranhão.
A revoada de tucanos maranhenses para outros partidos fortalece, e muito, o projeto de reeleição de Flávio Dino. E mostra o compromisso e parceria dos prefeitos com o governador e o vice-governador.

E agora, Roberto Rocha? Brandão leva 27 dos 30 prefeitos do PSDB a evento do PRB

Em café da manhã realizado nesta quarta-feira (10/01), o vice-governador Carlos Brandão e o presidente do PRB no Maranhão, Cléber Verde, ratificaram a parceria que levará o ex-presidente do PSDB para o partido republicano. O ato contou com a participação de 27 dos 30 prefeitos tucanos do estado e confirma o esvaziamento previsto após o senador Roberto Rocha tomar a força o partido.

A força demonstrada por Carlos Brandão ao levar a grande maioria dos prefeitos para o evento do seu novo partido, além de vice-prefeitos e vereadores, é um recado claro para a direção nacional do PSDB, que chancelou o nome de Roberto Rocha em substituição ao vice-governador no controle da legenda no Maranhão.

A ação mostra também a debandada de prefeitos tucanos do partido, que pode sair de segundo maior no Maranhão para um dos menores do estado. A insatisfação demonstrada pela interferência nacional no tucanato maranhense pode custar caro para as pretensões nacionais do PSDB com a candidatura do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, a presidência.

Se conseguir tirar mesmo, como previsto, todos esses prefeitos do PSDB, Carlos Brandão dará uma resposta à altura com a manobra realizada por Roberto Rocha para tirá-lo da presidência do partido. E de quebra acabará com todos os planos do senador no Maranhão.

Agora é esperar para ver como Roberto Rocha vai se movimentar nesse jogo. Por enquanto, Brandão está muito próximo de um xeque-mate.

Assim como em 2016, Brandão aproveita passagem pelo governo para atuar em seu reduto

O governador em exercício, Carlos Brandão, repete a sua atuação quando assumiu o mandato em janeiro de 2016, quando o governador Flávio Dino também tirou alguns dias de férias. Brandão irá atuar em inaugurações e obras em seu reduto eleitoral, a cidade de Colinas e região.

No ano passado, Brandão anunciou obras de pavimentação e de abastecimento de água, além da implantação de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) e de um Polo da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) na cidade.

Nesta passagem pelo cargo, Brandão anunciará pacote de melhorias neste sábado, a partir das 9h, em solenidade na Praça Central da cidade. Brandão também inaugura um poço no povoado Alto do Bode e almoça com sua comitiva na inauguração do Restaurante Popular, o primeiro do município e que vai oferecer 700 refeições diariamente no almoço.

Tema é recebido pelo governador interino Carlos Brandão

Candidato a presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM) e praticamente com a eleição garantida, o prefeito de  Tuntum, Cleomar Tema (PSB), foi recebido em Palácio no final da tarde desta terça-feira (3), pelo governador em exercício, Carlos Brandão e pelo secretário de Articulação Política e de Comunicação Social, Márcio Jerry.

Durante o encontro, os três conversaram amistosamente sobre o municipalismo no  Maranhão e os rumos que o Estado vem tomando nestes dois anos da administração do governador Flávio Dino. Também fizeram uma avaliação sobre o cenário político, econômico e social do País e se mostraram extremamente preocupados com a crise que vem assolando o Brasil, principalmente nas áreas política e econômica.

Notas do primeiro dia do ano

Brandão assume o governo na terça

Está confirmada para a próxima terça-feira (3) a licença do governador Flávio Dino. Com a saída já autorizada pela Assembleia Legislativa, Flávio irá tirar 10 dias de férias. O vice-governador Carlos Brandão assumirá novamente a cadeira de governador, o que ocorreu também em janeiro de 2016, quando Flávio também tirou alguns dias de férias.

Garantia de mais asfalto

Ao participar da solenidade de posse do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o governador Flávio Dino fez questão de afirmar que a parceria com o prefeito vai continuar. E já anunciou que ainda este mês, começam mais obras do Mais Asfalto, pela área C da Cidade Olímpica. Nesta segunda-feira (2), o governador visita as obras de revitalização no bairro da Forquilha ao lado dos prefeitos Edivaldo (São Luís), Luís Fernando (São José de Ribamar) e Domingos Dutra (Paço do Lumiar).

Não perdeu um minuto

O prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando Silva, não quis perder um minuto para ocupar a cadeira de prefeito. Ele Providenciou a cerimônia para 00h e na virada do ano, fez com que os vereadores tomassem posse, elegessem a Mesa e lhe dessem posse. Tudo rápido. Luís Fernando justificou o fato de colocar água no champanhe de Réveillon da turma pelo fato de começar mutirão de limpeza e iluminação pública já nas primeiras horas da manhã deste domingo.

Vereadores sentem pressão em Paço

Um grupo de nove vereadores usou a velha tática de se trancar em um hotel para garantir a eleição da mesa diretora da Câmara de Paço do Lumiar. Conseguiram articular a eleição e venceram o candidato do prefeito Domingos Dutra, Jorge Pinto. Mas os vereadores sentiram a pressão popular para que não se tente boicotar a administração municipal. O presidente Marinho do Paço foi vaiado várias vezes. A vereadora do PCdoB que votou contra o próprio partido, Driely, ouviu o forte coro de “traíra” da galeria da Casa. Os vereadores garantiram que o grupo não vetará os projetos do prefeito.

Luto na posse

O dia foi de emoções antagônicas para a vereadora Concita Pinto, Marcolina Costa. A mãe da vereadora faleceu ainda na manhã deste domingo, antes da parlamentar tomar posse para seu primeiro mandato. A vereadora recebeu as condolências dos presentes e saiu do solenidade de posse logo após a eleição da Mesa Diretora para retornar ao velório da mãe. O Blog também se solidariza com a nova parlamentar.

Relação difícil

Por falar na família Pinto, o marido de Concita, ex-deputado Jota Pinto, assume agora a Secretaria de Articulação Política do governo Edivaldo. Jota deve ao lado do secretário de Relações Parlamentares, Hélio Soares, tratar da relação com os vereadores. A relação sempre foi tensa entre Executivo e Legislativo Municipal. Jota garante que terá uma boa relação com os vereadores pela experiência do outro lado. “Já fui vereador. Sei bem como funciona. Sabemos como conduzir”, afirmou.

Carlos Brandão deve sair do PSDB e já conversa com outras legendas

carlosbrandaoO vice-governador do Maranhão e presidente estadual do PSDB, Carlos Brandão, busca outra legenda. Brandão já andou conversando com dirigentes de outros partidos e seus caminhos devem estar fora do ninho tucano para o próximo pleito.

Brandão já conversou com dirigentes do PSL e PTdoB e uma das duas legendas pode ser seu destino.

O ainda tucano está de olho no Palácio dos Leões e a mudança de partido é o primeiro caminho.

 

Política maranhense em notas

PSDB já não esconde aliança

brandaoelizianeO PSDB já não esconde a aliança com a deputada federal Eliziane Gama. O vice-governador Carlos Brandão e presidente estadual do PSDB esteve em Brasília ao lado da deputada Eliziane. O acordo está fechado e os tucanos indicarão o vice na chapa de Eliziane, que deve ser o suplente de senador, Pinto Itamaraty. O anúncio oficial deverá ser na próxima semana. Castelo também está fechado com a popular-socialista. Já Neto Evangelista, deverá sofrer a rasteira do partido.

Brandão como ponte

carlosbrandaoPor falar em Brandão, além do próprio governador Flávio Dino, que já mostrou que terá diálogo com o novo governo, o vice-governador também demonstrou fundamental importância como interlocutor com os ministros tucanos. Esta semana o presidente do PSDB-MA esteve com o senador Aécio Neves, presidente nacional da sigla, e em visita de cortesia aos ministros tucanos José Serra e Bruno Araújo para ampliar e fortalecer esse debate. Segundo ele, irão colaborar muito com o governo dinista.

O “Papi” de Fufuquinha

fufuquinhaepapiO deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG) durante sessão do Conselho de Ética nesta quinta-feira (19) revelou como o deputado maranhense André Fufuca (PP-MA) chama o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha. Fufuquinha chama o presidente afastado de “papi” nos corredores do parlamento. O presidente do PP maranhense ficou uma fera com a revelação.e disse que Delgado é “um verdadeiro moleque” e “um exemplo de que até os canalhas envelhecem”. Ele retrucou afirmando que Fufuca não tem autoridade, nem representatividade para fazer essas acusações.

Greve não é por melhorias

educaçãoNão é por melhorias a categoria que o Sindicato exige a greve dos professores de São Luís. Afinal, dificuldades existem, mas melhorias já foram realizadas pela gestão Edivaldo Holanda Júnior aos professores. Ao longo da gestão Edivaldo, o aumento salarial oferecido aos professores já soma 28,43%. Também foram implantados mais de 11 mil direitos estatutários para a categoria – o maior programa de implantação de direitos na história do estatuto do magistério.

Intransigência e política

Ao que tudo indica, é intransigente a atitude do Sindicato dos Professores de São Luís em deflagrar uma greve em plena crise financeira. Dos 11,36% exigidos de aumento, a Prefeitura já garantiu 10,7% em contrapartida. Uma eventual greve de professores nesse contexto seria motivada mais pela disputa interna e política entre os dois grupos do que pelo efetivo interesse em garantir direitos e bons salários aos professores.

Manutenção de políticas sociais

SUAS 2O deputado Weverton Rocha (PDT-MA) entrou na briga pela manutenção de políticas sociais no governo Temer. O líder da bancada do PDT recebeu representantes do Fonseas, Congemas, CNAs e Funasuas, órgãos que integram o sistema de Assistência Social do país. Em pauta, a grande preocupação com o iminente desmonte do Sistema Único de Assistência Social (Suas) que o governo interino de Michel Temer avalia realizar seguindo o discurso do Estado Mínimo. “O discurso do Estado Mínimo e de enxugar a máquina, não pode colocar de lado a visão social que incluiu milhões de brasileiros”, afirmou.

Política maranhense em notas

Justiça pelo bem-estar de todos

othelino-neto-400x266O deputado Othelino Neto (PCdoB) apelou ao bom senso do poder judiciário para não deixar que empresários que não aceitam a livre concorrência barrem a licitação do transporte na capital. “Confiamos que a Justiça não cederá a esta pressão porque, até como o próprio nome diz, a Justiça, o Poder Judiciário vai zelar pela legalidade e pelo bem-estar de todos”, comentou Othelino ainda antes das Ações na Justiça. O deputado afirmou que a Assembleia estará atenta e permanecerá vigilante com relação ao processo.

Prejuízo a 700 mil ludovicenses

edivaldoholandaO coro contra o golpe dos empresários foi maior na Assembleia. Além de Othelino, Levi Pontes, Edivaldo Holanda (PTC) e Sérgio Frota (PSDB) também se disseram perplexos com a informação. “A licitação que o Prefeito Edivaldo leva a cabo neste momento, nesta cidade, é para por fim exatamente a esse descalabro, a essa falta de respeito para com as mais de 700 mil pessoas que se utilizam do transporte coletivo na nossa cidade”, afirmou Edivaldo Holanda. “Queria dizer que respeito muito a classe empresarial, mas nós vivemos no capitalismo e no capitalismo nós temos que favorecer a livre concorrência”, complementou Sérgio Frota.

Apenas ganhar tempo e atrapalhar

setTendo em vista que o processo licitatório passou por todo procedimento legal, foi amplamente discutido em audiências públicas, em uma audiência na Câmara Municipal que começou pela manhã e terminou tarde da noite, com critérios claros, o que se pode depreender é somente uma tentativa de adiar a licitação por parte dos empresários que entraram com Ação contra a licitação.

Fábio menor e Do Curso cresce

wellingtondocursoÚltimo nome a entrar na disputa pela prefeitura de São Luís, o deputado Wellington do Curso (PP) tem crescido na disputa como terceira via. Como o Blog vem alertando, caso Castelo e Bira do Pindaré não sejam candidatos, Wellington, Fábio e Rose Sales brigam pelo posto de terceira via.Neste contexto, o vereador, que sorria da candidatura de Wellington inicialmente, está cada vez menor na disputa e o deputado estadual ganha terreno.

PSDB tem data para definição

carlosbrandaoO vice-governador e presidente estadual do PSDB, Carlos Brandão, definiu a data para que o PSDB defina sua posição em São Luís. O partido vai reunir dia 20 de maio para definir sobre sucessão municipal. Embora ainda mantenha as pré-candidaturas de João Castelo e Neto Evangelista, o PSDB deverá ir com a deputada federal Eliziane Gama. Eliziane, o suplente de Senador, Pinto Itamaraty, e o deputado federal Carlos Brandão, estão em Brasília onde tratam com o senador Aécio Neves o acordo para que o PSDB seja vice na chapa de Eliziane.

Novo prazo de duplicação da BR-135

frenteparlamentarA Frente Parlamentar em defesa da recuperação e conservação das rodovias federais do Maranhão realizou, na tarde desta terça-feira (10), audiência pública para discutir a situação das BR’s maranhenses. Entre os pontos discutidos, foram esclarecidas questões como duplicação da BR-135, recuperação da mesma via e da BR 222. Durante explanação, o superintendente do DNIT, Gerard Fernandes, informou que a previsão oficial de entrega da duplicação do primeiro trecho da BR-135 é de abril de 2017, sendo que R$ 100 milhões em recursos ainda faltam para conclusão. Ele garante, porém, que o recurso será obtido em forma de emenda impositiva, num aporte total de R$ 50 milhões e R$ 50 milhões já estão empenhados.

 

Brandão fortalece candidatos do PSDB durante governo interino

Brandão e JosemarO governador em exercício, Carlos Brandão, está aproveitando cada minuto para fazer política. E começou pelos dois candidatos a prefeito do PSDB na Grande Ilha.

Nesta terça-feira (5), recebeu o pré-candidato a prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando Silva (PSDB). Brandão tratou com o neo tucano a sucessão de Gil Cutrim. O ex-peemedebista é favorito à vitória na cidade balneária.

Foto1_KGE_ Carlos Brandão recebe deputados federais e lideranças políticasO gesto mais forte foi em favor do atual prefeito de Paço do Lumiar e candidato à reeleição, Josemar Sobreiro. Brandão confirmou que irá inaugurar ao lado do aliado as câmeras de vigilância instaladas nas ruas de Paço do Lumiar, no próximo domingo (10) .

O governador também garantiu a Josemar que dezenas de ruas de Paço serão medidas por técnicos estaduais nos próximos dias para a inclusão no programa Mais Asfalto. “Vamos encaminhar tudo para a Sinfra estadual para que as medições sejam feitas o mais rápido possível”, afirmou Carlos Brandão.

Como 14 dias passam muito rápido, Brandão não perde tempo para fortalecer os tucanos para as eleições de outubro deste ano.

No segundo dia como governador, Brandão recebe políticos

Foto2_KGE_ Carlos Brandão recebe deputados federais e lideranças políticas

O governador em exercício, Carlos Brandāo, recebeu visita de cortesia de deputados federais e lideranças políticas nesta terça-feira (05), no Palácio dos Leões. Os deputados federais Eliziane Gama, José Reinaldo Tavares e Juscelino Filho, além de lideranças políticas como Weverton Rocha e Luís Fernando Silva discutiram junto ao governador em exercício as necessidades mais urgentes para garantir desenvolvimento a todos os maranhenses.

O vice-governador Carlos Brandão assumiu o comando do Estado nesta segunda-feira (04), por ocasião de afastamento temporário do governador Flávio Dino. Ao assumir o comando do Estado, Carlos Brandão afirmou que dará prosseguimento a todos os projetos liderados por Flávio Dino e continuará cumprindo, com coerência e firmeza, o plano de Governo para os próximos anos no Maranhão.