Jovem cai de prédio abandonado na Cohama e morre; família fala em homicídio

A jovem Rafaella Cristina, de 18 anos, morreu após do cair do último andar do prédio abandonado próximo à rotatória da Cohama. O local é geralmente utilizado para treinos do Corpo de Bombeiros e rapel. O prédio abandonado pertence à operadora OI.

Existem relatos de que a jovem poderia estar acompanhada por um grupo de outros jovens onde ocorrido consumo de bebidas e drogas.

A família de Rafaella registrou ocorrência na delegacia de Homicídios. Pelos vídeos e fotos que circularam da jovem morta , fica claro que existiam pessoas no local no momento da morte.

Em entrevista à TV Mirante, o pai de Rafaella, Francisco Santos, descartou suicídio. “O delegado está investigando. Eu creio que a minha filha não se jogou até porque ela caiu de costa. Tem nas fraturas que ela caiu de costa”, afirmou.

Polícia Civil ouve testemunhas sobre a morte de vereador

Testemunhas que podem contribuir com a informações para elucidar a morte do vereador eleito de Godofredo Viana, César Augusto Miranda, foram ouvidas pela Polícia Civil, nesta quinta-feira, 8. Os depoimentos vêm sendo coletados desde o início do dia. O delegado geral de Polícia Civil, Lawrence Melo, ressalta que as equipes permanecem em campo. “Assim que obtivermos as confirmações do que foi descoberto, divulgaremos”, informou.

César Miranda tinha 45 anos e era conhecido como ‘César da Farmácia’, por seu estabelecimento que era ponto de referência na cidade. Ele fora diplomado nesta quinta e horas depois aconteceu o crime. O vereador foi morto a tiros na porta de sua farmácia, na última quarta-feira, 8. Ele tomaria posse em janeiro.

A polícia trabalha no caso desde a chegada das informações à delegacia da região. De imediato foram realizadas diligências na cidade e arredores, além da intimação de testemunhas – familiares e pessoas que presenciaram ou conheciam a vítima. Após a tomada de depoimentos a polícia vai divulgar mais informações.

O corpo da vítima será encaminhado para a capital para que seja realizada necrópsia. O superintendente de Polícia Civil do Interior (SPCI), delegado Dircival Rodrigues, que coordena as investigações, explica que esse procedimento será necessário para somar nos elementos da investigação, inclusive para confirmar a causa da morte.

“Todas as medidas estão sendo tomadas pela Polícia Civil a fim de que se esclareça esse caso. São várias linhas de investigação e, neste momento, estamos aprofundando as informações recebidas”, informa o delegado Dircival Rodrigues.

Participam ainda da investigação os delegados Pedro Henrique Hottes, titular de Godofredo Viana e que preside o caso; delegado Anderson Carvalho Pires, de Carutapera e sua equipe, prestando apoio; e a Polícia Militar da área. César Augusto foi eleito com 265 votos, sendo o quinto mais votados na cidade. Ele já possuía vivência na política local por pertencer ao grupo de Júnior Matos (PR), filho da ex-prefeita do município, Conceição Matos.

Fidel Castro morre aos 90 anos

fidelcastroO líder da Revolução cubana, que comandou o país entre 1959, e 2008 morreu aos 90 anos de idade. O atual presidente de Cuba e irmão do ex-presidente, Raul Castro, informou a morte de Fidel Castro neste sábado (26) em um discurso transmitido pela televisão estatal.

Fidel faleceu na noite de sexta-feira (25), às 22h29 (hora local), e seu corpo será cremado “atendendo sua vontade expressa”, explicou Raúl Castro.

As cinzas serão enterradas em 4 de dezembro, na cidade de Santiago de Cuba, após percorrerem o país numa caravana de 4 dias. Cuba declarou 9 dias de luto oficial pela morte de Fidel Castro.

Fidel assumiu como primeiro-ministro de Cuba em 1959, após a renúncia de Jose Miro Cardona. Nesta época, foram iniciadas as relações com a então União Soviética.

O líder passou então a sua reforma para o comunismo. Em 1960, Fidel nacionalizou a indústria açucareira de Cuba, sem pagar indenizações. Três anos depois ele estatizaria as fazendas, ampliando a reforma agrária.

Em 1961, o governo proclamou seu status socialista. Houve uma fuga em massa dos ricos do país para Miami, nos Estados Unidos, que rompem as relações diplomáticas com Cuba.

Acusado de participação na morte de Décio Sá terá novo julgamento

O Imparcial

acusadoSerá julgado nesta quarta-feira (13) no 1º Tribunal do Júri de São Luís, Marcos Bruno Silva de Oliveira, acusado de participação no assassinato do jornalista Décio Sá, morto a tiros em 23 de abril de 2012, por volta das 22h30, em um bar na Avenida Litorânea, na capital. O julgamento começa às 8h30, no salão de sessões do Fórum Des. Sarney Costa (Calhau) e será presidido pelo juiz Osmar Gomes dos Santos.

Acusado de ser o piloto da moto que deu fuga a Jhonathan de Sousa, executor do crime, Marcos Bruno Silva de Oliveira foi julgado em fevereiro de 2014 e condenado a 18 anos e três meses de reclusão, mas recorreu da decisão e o julgamento foi anulado pelo Tribunal de Justiça do Maranhão, que determinou a realização de um novo júri popular. Ele está preso em São Luís.

Jhonathan de Sousa foi julgado na mesma sessão do júri de Marcos Bruno Silva de Oliveira. O réu confesso do assassinato do jornalista Décio Sá também recorreu da decisão dos jurados, mas a 2ª Câmara Criminal do TJMA aumentou a pena de Jhonathan de Sousa de 25 anos e três meses de reclusão para 27 anos e 5 meses de reclusão. Ele está preso cumprindo a pena.

No julgamento desta quarta-feira serão ouvidas seis testemunhas, as mesmas arroladas pela acusação e pela defesa de Marcos Bruno Silva, no primeiro julgamento. O representante do Ministério Público que atua na 1ª Vara do Tribunal é o promotor de Justiça Luis Carlos Duarte. A defesa ficara a cargo do advogado José Berilo.

Os jurados que participarão do julgamento desta quarta-feira não serão os mesmos que atuaram no primeiro júri de Marcos Bruno Silva. Anualmente, as varas do Tribunal do Júri escolhem um novo corpo de jurados, entre os nomes de pessoas maiores de 18 anos, com idoneidade moral e conduta ilibada,encaminhados à Justiça por órgãos públicos, escolas e outras instituições. No início da sessão serão sorteados os sete membros que integrarão o Conselho de Sentença desta quarta-feira.

O caso

o Ministério Público denunciou 12 pessoas pelo assassinato do jornalista e blogueiro Décio Sá. Em agosto de 2013, o juiz titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri de São Luís, Osmar Gomes dos Santos, pronunciou 11 denunciados para irem a júri popular. Os pronunciados recorreram da decisão e o Tribunal de Justiça ao analisar os recursos despronunciou (declarou nula a pronúncia)Fábio Aurélio do Lago e Silva, o Buchecha; os policiais civis Alcides Nunes e Joel Durans; o capitão da Polícia Militar, Fábio Aurélio Saraiva Silva, o Fábio Capita; e Shirliano Graciano. No caso de Elker Farias Veloso (que se encontra preso no Estado de Minas Gerais, por outro crime), o colegiado decidiu pela anulação desde o oferecimento da denúncia, por ausência de individualização de sua conduta.

Em relação aos recursos de Gláucio Alencar, José de Alencar Miranda Carvalho (pai de Gláucio) e José Raimundo Sales Chaves Júnior (Júnior Bolinha), o TJMA manteve o pronunciamento para serem submetidos a julgamento pelo Tribunal do Júri. Os acusados recorreram ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e aguardam decisão. Os três estão presos e acusados dos crimes de homicídio e formação de quadrilha, sendo que José de Alencar cumpre prisão domiciliar devido a problemas de saúde.

Morre Evandro Sarney Costa, irmão de José Sarney

evandrosarneyMorreu na madrugada deste domingo (10), o conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do estado, Evandro Sarney Costa, aos 84 anos. O irmão do ex-presidente José Sarney era membro da Academia Maranhense de Letras.

A morte ocorreu por falência múltipla dos órgãos.

O irmão de Sarney está sendo velado na Pax União da Rua Osvaldo Cruz. O enterro será às 17h deste domingo (10) no cemitério do Vinhais.

Morre mulher arremessada de brinquedo do Golden Park

luzivaniaLuzivânia Brito, de 39 anos, não resistiu e morreu na madrugada desta terça-feira (22). Ela foi arremessada de um brinquedo conhecido como “polvo” do Golden Park, no início da última semana e estava internada no hospital Djalma Marques (Socorrão I), em São Luís. Ela será sepultada no município de Mirador, sua terra natal.
Luzivânia estava internada desde o dia 14 e foi submetida a procedimento cirúrgico depois que foi detectada uma perfuração no pulmão. A paciente teve o baço retirado, além de nove costelas quebradas.
A filha de Luzivânia, Manuele Brito, 8 anos, que também foi arremessada do brinquedo, sofreu apenas ferimentos leves e recebeu alta no mesmo dia do acidente.
Com informações de O Imparcial.

Governo presta assistência à família de jovem morto durante desocupação

Uma comissão do Governo do Estado, representada pela Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) esteve na tarde desta quinta-feira (13), com a família do jovem Fagner Barros dos Santos, 18 anos, baleado nesta manhã, na área de ocupação do residencial Paraisópolis, local próximo à sede do Sampaio Corrêa. O Estado prestou toda solidariedade e assistência às famílias das vítimas e adotará medidas de reparação indenizatória.

A comissão, formada pelo secretário de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves; a secretária adjunta de Participação Popular, Creusamar de Pinho; e o secretário adjunto de Direitos Humanos, Igor Almeida, esteve com a família da vítima para sinalizar ampla assistência e garantir a determinação dos órgãos de segurança na total apuração do fato.

Durante a visita, o secretário Francisco Gonçalves garantiu à família do jovem, que o Governo do Estado, além de se solidarizar com o ocorrido, irá prestar toda assistência necessária à família. “Nós estamos aqui em nome do governador Flávio Dino. Assim que o governador foi informado do que aconteceu, delegou que viéssemos aqui imediatamente. Queremos deixar claro que qualquer agente público que, no cumprimento de sua função, violar os direitos humanos irá responder administrativamente e criminalmente pelo seu ato”, afirmou.

Além da visita à família, a comitiva estive na área de conflito para dialogar com a população e ouvir os relatos acerca da ação que culminou na morte de Fagner Barros. A comissão também identificou outra vítima, um adolescente, de 13 anos, que foi ferido na perna, mas que já se encontra internado. A Secretaria de Estado da Saúde prestou total assistência à vítima no atendimento hospitalar.

De acordo com os moradores, cerca de 300 famílias ocuparam a área no dia 29 de julho. “Ainda bem que vocês estão aqui para nos ouvir e saber o que aconteceu”, afirmou Francisco Brasileiro, que mora no local.

PM que assassinou manifestante está preso e responderá pelo crime

Confronto durante reintegração de posse

Confronto durante reintegração de posse

A Polícia Militar cumpria ordem judicial de desocupação de prédio no Turu, quando o cabo Marcelo Monteiro dos Santos, que integrava a operação, disparou tiro contra um dos manifestantes, sem ordem superior e em descumprimento à lei. Fagner Barros dos Santos, 19 anos, recebeu o disparo do policial e morreu.

A vítima fatal como diversos outros moradores, ocupava uma parte do terreno, na Rua da Liberdade. Uma mulher e uma criança também teriam sido atingidas durante a confusão. As vítimas ainda não foram identificadas.

Por meio de nota, o governo do Estado informou que repudia veementemente a ação isolada do policial, e que ele já está preso e será autuado em flagrante delito na Delegacia de Homicídios. Ele responderá a processo, que vai apurar responsabilidade do cabo que efetuou o disparo e do comandante da operação.

O governo informou ainda que prestará toda a assistência necessária à família da vítima através da Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular.

Prefeito de São Francisco do Brejão morre vítima de leucemia

prefeitosaofranciscobrejaoO prefeito do município de São Francisco do Brejão, Magnaldo Fernandes Gonçalves (PSDB), 42 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira (5). O prefeito estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de Imperatriz desde o último dia 28 de maio. Ele lutava contra uma leucemia há pouco mais de um ano e não resistiu.

Quem assume o comando do município assume o cargo o vice-prefeito, José Osvaldo Farias.

Flávio diz que assassinato de vereador mostra que pistolagem ainda está viva

Flávio preocupado com o reforço da investigação de crimes no Maranhão

Flávio preocupado com o reforço da investigação de crimes no Maranhão

Durante o ato de posse de novos 66 Policiais Civis, o governador Flávio Dino (PCdoB) comentou o assassinato do vereador de Santa Luzia, Vavá, que foi executado com cinco tiros neste domingo (3).

“Este crime mostra que ainda temos muito a fazer. A equipe está desde ontem investigando. Uma equipe especial está em Santa Luzia com o Superintendente da Polícia Civil do interior para a rápida elucidação desta barbaridade, que mostra que o crime de pistolagem, infelizmente, ainda está vivo no Maranhão. Nós temos toda a firmeza para combater este tipo de criminalidade que ainda ocorre no interior do Maranhão”.

O governador comentou que justamente para que as investigações avancem e crimes como este possam ser elucidados, o governo está reforçando a Polícia Civil. “Já conseguimos nestes quatro primeiros meses reduzir os crimes violentos. Em abril, reduzimos os homicídios em 20% e isso significa que estamos no caminho certo. Este momento é de incorporação que vão ajudar nas investiugações e nos inqueritos. A polícia ostensiva é muito importante. Mas igualmente importante é a investigação para esclarecer crimes como o crime contra o vereador Vavá”.

A solenidade ocorreu no Palácio Henrique de La Roque, Calhau com a posse dos novos delegados de Polícia Civil, investigadores, médicos legistas, odontolegistas e peritos criminais.