Sarney Filho será novamente rifado?

Caso esta seja a foto da chapa sarneysta em 2018, será mais um duro golpe em Sarney Filho

O blog do jornalista Marco Deça publicou uma interessante articulação para juntar em uma chapa Roseana Sarney (PMDB), Eduardo Braide (PMN), Maura Jorge (Podemos) e Sebastião Madeira (PSDB). Segundo a publicação, Braide seria candidato a governador, Maura a vice, Roseana e Madeira a Senador.

Como o jornalista tem amplo acesso a fontes do sarneysismo, a articulação parece ter rumo. E de fato, seria interessante em algum sentido para os quatro.

Eduardo Braide é uma incógnita e apostaria no fator “candidato apolítico” na disputa majoritária, mas ainda poderia sofrer do mesmo problema da eleição municipal de São Luís: seu discurso de novidade na política não se sustenta por ser de família de políticos e sempre estar na política. Além do processo que envolve a máfia de Anajatuba. Por outro lado, mesmo que perca a eleição, se credencia como nova liderança a nível estadual e primeiro da fila para 2022.

Será o ministro do Meio Ambiente preterido em uma disputa majoritária mais uma vez?

Para Maura Jorge, seria interessante em caso de vitória da chapa. Mas em uma campanha com ênfase para a dupla, pode ganhar algum destaque que a projete para algo futuro.

Mesmo sem chance alguma de se eleger, Sebastião Madeira finalmente realizaria seu sonho de ser candidato a Senador. A dificuldade será colocar o PSDB nesta chapa. Mas Madeira ainda pode buscar outro partido.

A mais beneficiada seria Roseana. Para muitos, uma candidatura de Roseana ao Senado implicaria em uma vaga reservada e a disputa seria pela outra vaga. A ex-governadora é forte candidata ao Senado. Roseana provavelmente garantiria oito anos de mandato e foro privilegiado (caso o benefício continue).

Mas o grande problema está no Senado. Sarney Filho é hoje o único pré-candidato oficial ao Senado do Clã Sarney, até com boas chances. Nos meios políticos, se fala em disputa acirrada entre Sarney Filho, Weverton Rocha e Zé Reinaldo por duas vagas. Mas parece que a história se repete de Zequinha ser golpeado pela irmã.

Como recordar é viver, vale lembrar que em um acordo entre Zé Reinaldo e José Sarney, Zequinha deveria ser o candidato a governador do Clã em 2006. Mas Roseana não aceitou. Numa reunião com o pai, Roseana gritou e disse que quem tinha voto era ela. Sarney, com medo da filha, disse que a ideia da candidatura de Sarney Filho foi de Zé Reinaldo. E Roseana passou a hostilizar o então governador nos meios de comunicação da família. Este foi o principal motivo do rompimento do então governador com o Clã Sarney. A história foi contada pelo próprio Zé Reinaldo em uma entrevista em 2006.

Mais uma vez, Roseana ensaia puxar o tapete do irmão que tem feito pré-campanha, está bem articulado e pode ter a candidatura tolida dentro de casa.

Política maranhense em notas

Intimidação a delegado

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) tenta enquadrar o delegado da Polícia Civil Antônio Jorge Silva Santos. Ele promove nesta terça-feira (13) audiência da comissão de segurança da Assembleia com o delegado. Isto porque a defesa do prefeito de Mirinzal, Amaury Almeida, alega que foi preso no dia da eleição por perseguição política. Vale lembrar que o segurança de Amaury atirou em um militante de seu adversário na madrugada da eleição.

Encontro indigesto

O velório do ex-governador João Castelo promoveu encontros inusitados na Assembleia Legislativa. Quando descia as escadas saindo da Assembleia Legislativa acompanhado de outros políticos, o governador Flávio Dino deu de cara com a deputada Andrea Murad que subia as mesmas escadas. Saiu faísca! A deputada deu um forte boa tarde e saiu praticamente correndo. Não deu nem tempo de ouvir o “boa tarde” do governador.

Evitando encontro indigesto

Já o senador Roberto Rocha preferiu evitar o encontro. Quando soube que Flávio Dino estava no velório, preferiu se esquivar pelo outro lado da Assembleia e esperar sua saída para entrar e prestar solidariedade à família de Castelo. Rocha e Flávio trocaram farpas nas redes sociais na semana passada por conta da balneabilidade das praias. O atrito virtual pode ser considerado o rompimento definitivo dos companheiros de chapa de 2014.

Último adeus

Após o velório na Assembleia Legislativa, o enterro de João Castelo no cemitério Parque da Saudade foi o momento que marcou o adeus definitivo do ex-governador, com uma salva de tiros, Centenas lotaram o cemitério para a despedida. Seu corpo foi levado para o cemitério em viatura do Corpo de Bombeiros. Foram muitas homenagens ao político ao longo do dia.

Serviços funerários pós-eleição

Por falar em velório e Castelo, o colega de partido, prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, celebrou contrato estranho logo após as eleições municipais. A prefeitura de Imperatriz assinou dia 7 de novembro contrato de R$ 320 mil com a empresa RC Serviços Funerários Ltda., para o fornecimento de urnas mortuárias, mortalha, translado, etc. até o final do ano e do mandato do atual prefeito. (Informações do Blog do Garrone)

A ingratidão de Sebastião Madeira

Madeira mostra sua ingratidão mesmo com todas as ações de Flávio em Imperatriz que favorecem o tucano

Madeira mostra sua ingratidão mesmo com todas as ações de Flávio em Imperatriz que favorecem o tucano

Dizia o Alexandre Dumas que “há favores tão grandes que só podem ser pagos com a ingratidão”. Na manhã deste sábado (03), o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB), provou que o romancista francês tinha razão.

Com índices de rejeição na casa dos 70%, o tucano virou a metralhadora contra o governador Flávio Dino (PCdoB), enciumado porque o comunista subiu o palanque de Rosângela Curado (PDT).

“Votamos em massa no governador Flávio Dino, com toda a liberdade. Imperatriz se orgulha desta autonomia, desta coragem. Se não fosse essa coragem, nós não teríamos votado nele. Teríamos votado no Edinho Lobão, pois a governadora era Roseana Sarney, e ela pressionou para que se votasse no candidato dela. O povo de Imperatriz é livre, vota sem cabresto”, afirmou o gestor em um grupo de WhatsApp.

Pela lógica de Madeira, o governador tornou-se ingrato ao vestir a camisa da candidata pedetista à prefeita. É o pagamento dele pelo socorro que tem recebido do Governo do Estado.

Dino não precisa provar que seu zelo por Imperatriz independe dos interesses políticos-eleitorais de Madeira. São milhões investidos na segurança, saúde, educação, infraestrutura e saneamento. Ao contrário dele, o governador apresenta índices de aprovação que beira os 80% em toda a Região Tocantina. Basta perguntar a qualquer imperatrizense.

O que o comunista faz hoje pela candidatura de Rosângela é muito menos que o saudoso Jackson Lago (PDT) fez para eleger Madeira em 2008. Dino apenas mostrou sua preferência como cidadão e correligionário. Lago, como fiel aliado que era, literalmente tomou para si a eleição do boquirroto tucano.

Por sinal, Madeira também fez sua escolha em Imperatriz dentro de uma lógica de alianças político-partidárias. Nada mais natural, democrático e adequado para o período. Todavia, ele não poderia deixar de exercer a sua peculiar ingratidão, da qual Jackson, Roseana e Luis Fernando Silva já foram vítimas.

Política maranhense em notas

 

Fufuquinha faz Ildon passar vergonha

fufucaildonrochaO pré-candidato a prefeito de Imperatriz Ficha Suja, Ildon Marques (PSB), alardeou que iria assumir a vaga de deputado federal no lugar de André Fufuca (PP) desde o início da semana. Ildon foi à Brasília levando um belo terno na mala para assumir e nada de Fufuquinha se licenciar. A trama para a ascensão de Ildon como deputado federal é nebulosa. Envolve o senador Roberto Rocha, a candidatura de Wellington em São Luís e reforçar a ideia de que Ildon não é Ficha Suja.

Embaraço com PSB e Eduardo Cunha

fufucaeduardocunhaO senador Roberto Rocha havia prometido o PSB na chapa do pré-candidato a prefeito de São Luís Wellington do Curso (PP). Mas justamente na véspera de acertar a licença de Fufuquinha para fortalecer Ildon em Imperatriz e consolidar a aliança PP-PSB em São Luís, Roberto senta com Eliziane Gama e volta a acenar aliança com o PPS. Foi o suficiente para Fufuca pisar no freio. Além disso, existe a pressão de Eduardo Cunha para que o jovem deputado fique no parlamento justamente quando o presidente afastado está sob forte fogo e com a cassação iminente.

Mais ficha suja

fufuquinhazevieiraE o deputado André Fufuca se afastou do debate sobre sua licença. E mostrou que gosta mesmo de um Ficha Suja. O presidente do PP fez pré-campanha nesta quinta-feira (16) com o ex-prefeito de Bacabal e pré-candidato Zé Vieira. Assim como Ildon Marques, Zé Vieira está na lista do Tribunal de Contas da União com contas rejeitadas. Mesmo Ficha Suja, Zé Vieira também tenta ser candidato. Fufuquinha e Vieira passearam no Mercado Municipal da cidade.

Rosângela reforça alianças

rosangeladaviEnquanto isso em Imperatriz, a pré-candidatura de Rosângela Curado cresce. A pré-candidata recebeu o apoio do deputado federal Davi Alves Júnior (PR) e lidernaças comunitárias. Nesta sexta-feira (17), Netinho de Paula, presidente do PDT em São Paulo, estará em Imperatriz para ato político em favor da pedetista.

56 municípios sem transparência na mira

transparenciaO Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) propôs 56 ações civis públicas contra municípios maranhenses que estão descumprindo a Lei de Acesso à Informação (Lei 12.527/2011) e Lei da Transparência (Lei Complementar 131/2009). A medida visa assegurar a adequada implantação e alimentação dos Portais de Transparência dos municípios. Dos 217 municípios avaliados, apenas 45 obtiveram média maior que a nacional, que foi de 5,15. Diante dos resultados, restou ao MPF no Maranhão acionar judicialmente os municípios. Imperatriz, Bacabal, Afonso Cunha, Coelho Neto, Açailândia foram alguns importantes municípios que sofreram ação.

Flávio e Madeira em Brasília

Foto 2 Governador trata dos interesses do Maranhão em BrasíliaO governador Flávio Dino cumpriu agendas em Brasília ao lado do prefeito Sebastião Madeira (PSDB). Com o ministro da Justiça, Flávio agradeceu o envio das tropas da Força Nacional de Segurança e debateu a parceria do Poder Executivo e Judiciário no combate ao crime no Maranhão. Com o ministro da Defesa, conversaram sobre a cessão de parte de um terreno do Exército para a criação de um parque urbano em Imperatriz.

 

PCdoB espera consenso entre Madeira e Rosângela; se não for possível…

Não é fácil fazer Rosângela e Madeira cavalgarem juntos em outubro

Não é fácil fazer Rosângela e Madeira cavalgarem juntos em outubro

O secretário estadual de Articulação Política e Comunicação, Márcio Jerry, deu a dica do caminho para as eleições em Imperatriz. O PCdoB está afastado esperando justamente uma situação que parece difícil para todos os analistas: união entre o prefeito Sebastião Madeira (PSDB) e a pré-candidata a prefeita Rosângela Curado (PDT).

Na entrevista ao Blog publicada neste domingo (24), Jerry demonstrou o que espera dos aliados para que possa haver uma unidade completa e uma única candidatura para derrotar o forte candidato sarneysta Ildon Marques. “O prefeito Madeira é nosso aliado. A Rosângela Curado é nossa aliada. Se não há um acordo entre a deputada Rosângela, que é nossa aliada, e o prefeito Madeira, que é nosso aliado, é obvio que o PCdoB tem que ficar recuado. O PCdoB não pode antecipar nenhuma posição sua para desagregar o campo político que nos dá sustentação na cidade de Imperatriz”, afirmou.

O acordo entre as duas lideranças parece muito difícil. Muito por parte do prefeito madeira que não aceita apoiar a candidatura de Curado. O PCdoB, então, permanece à distância e esperando consenso. Até porque o partido tem um fortíssimo pré-candidato. O deputado Marco Aurélio disparou nas pesquisas desde que a pré-candidatura de Clayton Noleto foi retirada e seu nome apareceu como opção do PCdoB de Imperatriz.

Política maranhense em notas

Rosângela deve continuar em Brasília

rosangelacuradoA suplente de deputada federal no exercício, Rosângela Curado (PDT-MA) deverá deixar o cargo em 7 de janeiro quando o titular Weverton Rocha reassume. Há uma articulação em andamento para que Rosângela assuma o cargo de Chefe de Gabinete da bancada do PDT na Câmara. A suplente continuará tendo trânsito em Brasília e poderá tratar de sua pré-campanha à prefeitura de Imperatriz.

Madeira quer que aliados se mexam

sebastiaomadeiraO prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB) deu um ultimato para que seus dois pré-candidatos à prefeitura se mexam para que algum consiga chegar a 20% das intenções de votos para ser lançado pré-candidato do grupo. O vereador Esmeradson de Pinho e o secretário de Regularização Fundiária Daniel Sousa (ambos do PSDB) são os os escolhidos de Madeira. Ele os intimou que caso nenhum se viabilize, irá compor com o candidato do governo, que pode ser do PCdoB ou a própria Rosângela Curado.

Forte razão contra o impeachment

chiquinhoescorcioUm amigo jornalista, que era fervoroso defensor do impeachment da presidente Dilma Rousseff, foi convencido do contrário no último final de semana por um simples argumento: “gente como Chiquinho Escórcio chegará ao poder”. Foi o suficiente para ele refletir mais sobre seu posicionamento. O ex-deputado e principal artífice da cassação do ex-governador Jackson Lago é assessor especial do vice-presidente Michel Temer e um dos mais fiéis ao ex-senador José Sarney.

Tucanos também deveriam ser contra

aecioA linha de raciocínio do PSDB pensando em seu projeto deveria passar longe do impeachment da presidente Dilma. O senador Aécio Neves (PSDB-MG) é favoritíssimo à eleição presidencial de 2018. O impeachment agora coloca o PMDB e raposas como Michel Temer, Eduardo Cunha e José Sarney no controle do país. Com o poder nas mãos, não seria difícil para o PMDB a vitória em 2018 e o adiamento do sonho tucano. Para o PSDB, o mais interessante é a manutenção do desgaste de Dilma e do PT – que já está em nível quase irreversível. O caminho para o PSDB em 2018 será muito melhor com Dilma no cargo e desgastada do que com o PMDB.

Justificativa pífia de Rêgo

manoelregoÉ duro quando você toma uma posição e não tem coragem para assumir ou capacidade para debater com a realidade. Após as duras críticas pelos votos contra o ar condicionado nos ônibus, o vereador Manoel Rego (PTdoB) inventou que seu voto contra foi porque a emenda do vereador Honorato Fernandes (PT) previa apenas 50% dos ônibus com ar condicionado e não 100%. Caso a emenda fosse de 100%, ele votaria a favor.Teve que ler mais uma série de críticas. “Melhor metade do que nenhum”!

Os pingos nos “is”

onibusO fato, que alguns vereadores como Roberto Júnior e Pedro Lucas tiveram coragem de debater, é que o ar condicionado aumentaria os custo e não se pode ser inocente nessas horas: os empresários iriam repassar este custo para os usuários. Teríamos mais uma greve de rodoviários incentivada pelos empresários, caos e aumento da tarifa no final das contas. Seria o terceiro aumento de tarifa para os usuários em menos de três anos. É preciso analisar o impacto e que se comece a construir alternativas. O mais importante neste momento de crise é saber: o usuário quer pagar um pouco mais por ar condicionado nos ônibus? Isso é que deve ser discutido para que se chegue a um consenso. O resto é demagogia.

TJMA recebe denúncia contra Sebastião Madeira

Madeira(2)A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) recebeu, por unanimidade, denúncia contra o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, e seus auxiliares na gestão municipal, Hudson Alves Nascimento, Elson de Araújo e Denise Magalhães Bride, por crime contra Lei de Licitações. O processo teve como relator o desembargador Raimundo Melo.

De acordo com o Ministério Público do Maranhão (MPMA), a Prefeitura de Imperatriz teria firmado contrato deprestação de serviços de publicidade, no valor de R$ 4 milhões, em licitação que teve a empresa Open Door Ltda como vencedora.

Na denúncia, o MPMA afirma que Sebastião Madeira permitiu que o procedimento licitatório se realizasse mesmo recebendo informações das ilegalidades ocorrentes no procedimento licitatório. Ele validou o processo licitatório e, posteriormente, determinou sua continuidade, embora havendo manifestação contrária do Ministério Público.

Em sua defesa, o prefeito apontou a falta de justa causa para o oferecimento da denúncia apresentada pelo MPMA, alegando inexistência da prática de crime de qualquer natureza.

Em seu voto, o desembargador Raimundo Melo afirmou que para o recebimento da denúncia é suficiente a comprovação da materialidade delitiva e a exposição dos fatos tidos por criminosos, só podendo ser rejeitada a inicial acusatória quando o fato narrado não constituir crime, já estiver extinta a punibilidade ou for manifesta a ilegitimidade da parte ou faltar condição exigida pela lei para o exercício da ação penal.

Segundo o magistrado, os fatos narrados na denúncia apontam fortes indícios de autoria e materialidade na prática do crime previsto na Lei 8.666/93, que instituiu normas de licitações e contratos da administração pública.

“A peça acusatória descreve fato em tese subsumida em norma penal incriminadora, com base em prova documental e testemunhal colhida no decorrer das investigações preliminares”, observou.

 

Política maranhense em notas

Quebra de sigilo e bloqueio de bens de Murad

ricardoA Justiça Federal quebrou os sigilos bancários e telefônicos e determinou o bloqueio de R$ 17 milhões em bens do ex-secretário de Saúde Ricardo Murad. A decisão foi determinada pelo juiz Carlos Madeira na ação de improbidade administrativa contra ele e outras 12 pessoas em razão fraude de licitação e irregularidade no projeto Executivo para a construção dos 64 hospitais do Saúde é Vida. Também foram quebrados os sigilos e bloqueados bens dos sócios da Proenge, responsável pelo projeto executivo dos hospitais, de membros da Comissão Central Permanente de Licitação e de ex-servidores da Secretaria Estadual de Saúde.

Edivaldo em curva ascendente 

9809_todos-porsaoluis_110715_hm.8933316O prefeito de São Luís vive momento de graça. Enquanto nos dois primeiros anos sofreu com a perseguição do governo Roseana e acumulou uma gordura de rejeição, desde o início desde ano sua popularidade só tem aumentado. E o grau de aceitação cresceu de forma mais acentuada nos últimos três meses. As obras asfaltamento, os serviços de limpeza e capina, a presença nas ruas com o Todos por São Luís e a parceria com o governo do estado em várias áreas reforçaram a confiança de reeleição do próprio Edivaldo e da classe política. Políticos mais experientes analisam que quando um político consegue tendenciar o eleitorado da forma como está fazendo o prefeito de São Luís, cria uma onda irreversível.

PPS realiza Encontro Estadual

Deputada Eliziane GamaA deputada Eliziane Gama realizará um Encontro Estadual de Formação Política com a participação das lideranças e dos pré-candidatos do partido no estado. O encontro terá palestra do juiz Marlon Reis. Eliziane disse que o clima no PPS é de otimismo em relação às eleições de 2016, mas se referindo às candidaturas em todo o estado. Com relação a São Luís, o jornalista Jorge Vieira, a deputada já estaria desmobilizando empresários e políticos (veja aqui).

Benefícios para Carutapera e Cândido Mendes

cutrimO deputado Raimundo Cutrim (PCdoB) destacou reunião que teve ontem com o governador Flávio Dino (PCdoB) quando solicitou recuperação da estrada de Quatro Bocas a Carutapera e, de Carutapera a Cândido Mendes; reforma do Hospital Regional, bem como a viabilização, junto ao Governo Federal, para a conclusão da agência do INSS, naquela cidade. “O governador Flávio Dino me confirmou que já posso dizer ao povo de Carutapera, bem como de Cândido Mendes, que essas estradas devem estar sendo autorizadas por esses dias”, disse Raimundo Cutrim.

Confusão entre tucanos e comunistas em Imperatriz

madeiravereadoresO prefeito Sebastião Madeira esteve hoje (13) na Câmara Municipal de Imperatriz para tentar “apagar um incêndio” entre vereadores tucanos e comunistas. Tudo porque o superintendente da Defesa Civil de Imperatriz, Chico do Planalto, disse em entrevista a TV Local que o vereador Adonilson teria financiado a ocupação da área urbana localizada no Bairro Bom Jesus, e ainda teria cobrado a quantia de 15 reais por ocupante. O prefeito tentou apaziguar os ânimos no parlamento e ainda cobrou um pedido formal de desculpas do auxiliar.

O fator Maranhão e Flávio pró-Dilma

zeinacioO deputado estadual Zé Inácio ratificou análise da coluna de ontem, demonstrando que o grito “não vai ter golpe” iniciado no Maranhão se espalha pelo país, tendo sido repetido por milhares na Marcha das Margaridas. “Grito esse ecoado daqui do Maranhão nas vozes do Governador Flávio Dino. A Presidente Dilma foi recepcionada pelos manifestantes, os quais ressaltaram o apoio e a confiança no Governo da Presidente Dilma, eleita democraticamente pelo povo. Precisamos avançar cada vez mais sem retrocesso ou tentativas de golpe, que colocam em cheque a democracia brasileira”, destacou o petista.

Política maranhense em notas

Acobertamento do Estado a agiotas

flaviodinoDurante entrevista no programa de rádio “Conversando com o governador”, Flávio Dino foi duro ao falar da acobertamento do governo passado à prática de agiotagem no Maranhão. “A agiotagem no nosso Estado sempre foi praticada com muita liberdade porque tinha a proteção do Palácio dos Leões. Quem governava o Maranhão protegia os agiotas. E os agiotas são aqueles responsáveis pela corrupção. Por isso, diferente do governo passado, nós não protegemos bandido. E a polícia vai continuar atuando com liberdade, cumprindo a Lei. Não tem nenhuma orientação política nisso. O que há é esse compromisso de cumprir a Lei”.

PCdoB pode ganhar três vereadores

plenariocamaraO PCdoB tem grande chance de reforçar muito seus quadros para as eleições de 2016 em São Luís. Três vereadores de mandato e um primeiro suplente negociam a filiação no partido do governador do Maranhão. E as negociações com os vereadores de mandato estão avançadas. O suplente está praticamente fechado. Sem medo de concorrência, o único vereador hoje do partido, Professor Lisboa, está ajudando na mediação da negociação. Caso todos sejam confirmados, o partido passará a ser a maior bancada da Casa.

César Pires também flerta com comunistas

cesarpiresQuem também andou flertando com o partido do governador foi o deputado estadual César Pires (DEM). A negociação emperrou e o próprio governador não ficou animado com a possível filiação do ex-líder do governo Roseana. E nesta segunda-feira (1º) o deputado “soltou os cachorros” contra o secretário estadual de segurança, Jefferson Portela, que é do PCdoB. O discurso parece ter afundado de vez a possibilidade de Pires se tornar comuna.

Madeira e a sucessão em Imperatriz

madeira_sebastiaoDurante conversa com jornalistas no lançamento do programa Mais Vidas no Trânsito, o prefeito Sebastião Madeira, fugiu de todas as formas das perguntas sobre sua sucessão em 2016. Não quis dizer se preferia Rosângelo Curado ou Clayton Noleto, mas afirmou que seu candidato será o candidato do Palácio dos Leões, para que Imperatriz possa continuar contando com o apoio do governo para melhorias na cidade.

Saúde em debate

saudeA Prefeitura de São Luís apresentou na manhã desta segunda-feira (1°), na Câmara Municipal, um relatório das ações relativas à saúde. A secretária Helena Duailibe fez a exposição do trabalho da pasta. A titular da Saúde mostrou a ampliação da oferta de serviços à população e na qualificação da rede assistencial. Um dos dados apresentados mostra que, apenas no período de janeiro a março deste ano, foram realizados 3.073.276 atendimentos ambulatoriais, na rede municipal de saúde. Ela mostrou as reformas de grande porte e ampliações, que estão sendo feitas nos hospitais Socorrão I e II, e no Hospital da Criança, e a construção da Maternidade da Cidade Operária.

Vistoria a recuperação de casarões

edivaldocasaroesO prefeito Edivaldo realizou nesta segunda-feira (1º) vistoria nos serviços de reestruturação de imóveis situados no Centro Histórico de São Luís. As obras, localizadas nas Ruas da Palma e do Giz, serão destinadas para habitação de interesse social e para a criação da Casa do Bairro. A requalificação dos casarões está sendo realizada pela Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph), com recursos alocados do Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (Iphan), e faz parte das ações de revitalização que estão sendo implementadas na região. Entre as obras vistoriadas estão dois casarões que serão transformados em abrigos para famílias de baixa renda que vivem no Centro Histórico de São Luís.

Madeira quer Clayton Noleto como seu candidato a prefeito de Imperatriz

Sebastião Madeira quer Clayton Noleto como seu sucessor

Sebastião Madeira quer Clayton Noleto como seu sucessor

O prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB), está decidido a fazer do atual secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto (PCdoB), seu sucessor na cadeira de prefeito de Imperatriz.

Madeira chamou os vereadores da sua base para anunciar que quer Noleto como prefeito. Os do PCdoB, já iriam naturalmente com o companheiro de partido. O prefeito alega que não existe candidatura já resolvida pelo grupo de aliados do governador Flávio Dino. A candidatura da subsecretária de Saúde, Rosângela Curado, seria natural por ter sido a segunda colocada nas eleições de 2012, mas muitas lideranças dinistas em Imperatriz preferem outra opção.

A posição de Madeira levou a uma reação de Curado. O deputado federal Weverton Rocha, aliado de Rosângela, questionou o deputado estadual Marco Aurélio sobre a candidatura de Clayton. Marco Aurélio foi firme em responder que tem preferência pela candidatura de Noleto.