Aliados de Roseana na Câmara Municipal estão na bronca

Nato disse que irá se acorrentar em frente ao Palácio dos leões em protesto.

O parlamento municipal parece não estar em sintonia com nenhum executivo mesmo. Como se não bastasse a insatisfação com o prefeito João Castelo (PSDB) pelo não pagamento das emendas parlamentares, os vereadores que são aliados do governo estadual e ajudaram na campanha da governadora Roseana Sarney (PMDB) na capital, também estão insatisfeitos com o governo do estado pelo não cumprimento de alguns acordos.

O vereador Nato (PRP) disse que estava sendo muito pressionado na sua área de atuação, no bairro do Coroadinho e adjacências, por conta de promessas que fez, contando com a parceria do governo do Estado. “Nós firmamos compromisso com os moradores. Eu tinha o compromisso de três poços na minha região para serem feitos por convênio com o governo. A comunidade está cobrando”. 

Segundo os parlamentares que reclamam do não atendimento, somente quem já declarou abertamente apoio à candidatura do secretário de Infraestrutura, Max Barros (PMDB) à prefeitura de São Luís, recebeu as obras do governo. Não teriam tido suas reivindicações atendidas Isaías Pereirinha (PSL), Nato (PRP), Chaguinhas (PRP), Josué Pinheiro (PSDC), vieira Lima (PPS), Armando Costa (PSDC) e Barbosa Lages (PDT).

Segundo um dos membros do grupo dos “rejeitados” pelo Palácio dos Leões, só teriam sido atendidos Osmar Filho (PMDB), Severino Sales (PMDB), Sebastião Albuquerque (DEM), Albino Soeiro (PSC), Astro de Ogum (PMN), Chico Carvalho (PSL), Umbelino Jr. (PV) e até o suplente Silvino Abreu (PMN). Estes, já teriam fechado com o pré-candidato a prefeito da governadora e assim, seus pleitos teriam sido atendidos em suas comunidades de ação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.