O que todos sabiam agora é oficial: Situação do abastecimento é emergencial

Situação do Sistema Italuís é insustentável

Finalmente o governo do Estado acordou para o maior problema da capital maranhense neste início de ano: a falta d’ água. A governadora Roseana Sarney decretou situação de emergência no Sistema de Abastecimento de Água na cidade pelo prazo de 180 dias. O Decreto nº 27.997, datado do dia 10 deste mês, destaca a necessidade urgente de providências para garantir o fornecimento mínimo à população.

Na manhã de ontem, o Sistema Italuís apresentou novo problema. O sistema, que nos últimos dias apresentou rachaduras nos quilômetros 36 e 38 da BR-135, Campo de Perizes, sofreu um desacoplamento da tubulação na barragem do Bacanga.

Entre as ações práticas propostas pelo Decreto nº 27.997 para sanar o comprometimento do abastecimento da cidade é a abertura de cerca de 60 poços isolados em locais estrategicamente definidos pela Caema.

Também é citado o tempo necessário para a realização do serviço de recuperação total da adutora, cuja obra de substituição deve demorar no mínimo 15 meses para ser concluída.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.