Igor Lago diz que históricos não desistirão

Igor Lago e "históricos" irão recorrer da decisão que deu o comando do PDT a Julião Amim.

O ex-presidente da Comissão provisória do PDT, Igor Lago, enviou mensagem aos trabalhistas afirmando lamnetar a decisão do Diretório nacional que determinou a nova Comissão do partido com Julião Amim na presidência.

Em nota, Lago afirma que a nova comissão foi decidida de forma autoritária e que desrespeitou a história do partido. “Rasgaram os princípios das boas práticas partidárias e da própria democracia interna e, com um ‘canetaço’, optaram pela minoria que, a rigor,
não tem projeto partidário a não ser os seus próprios interesses pessoais ou de grupo”, afirmou.

Igor disse que os próximos passos de seu grupo serão divulgados em coletiva após o carnaval. “Não nos resignaremos e lutaremos com todos os meios garantidos por nosso próprio Estatuto, para que a Democracia prevaleça e, assim, possamos continuar”.

Vários membros do grupo de Igor rechaçam a possibilidade de deixar a legenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.