Eliziane quer liberdade de campanha no Twitter

Eliziane quer liberação do Twitter.

A deputada estadual Eliziane Gama (PPS), uma twitteira com participação ativa no microblog, defendeu hoje (21) a decisão da Direção nacional de seu partido, que ingressou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF) contra resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de proibir o uso doTwitter antes do início oficial da campanha eleitoral, em 6 de julho.

“O PPS, como defensor incondicional da liberdade de imprensa e de expressão, compreende que nas redes sociais precisa haver liberdade e a livre manifestação do pensamento de opinião precisa ser resguardada”, afirmou a deputada.

Eliziane tem receio que a diculgação de suas atividades parlamentares sejam confundidas com campanha antecipada. “Temos divulgado com muita tranquilidade as nossas ações parlamentares não apenas às redes sociais, mas também aos boletins informativos como nos é permitido e também custeado, inclusive, fazendo a divulgação das atividades parlamentares”

Outros políticos que podem concorrer ao pleito deste ano também são twiteiros como Bira do Pindaré (PT), Flávio Dino (PCdoB), Marcelo Tavares (PSB), Rubens Júnior (PCdoB), Pastor Porto (PPS). Além dos vereadores Osmar Filho (PMDB), Gerlado Castro (PCdoB), Rose Sales (PCdoB) e Ivaldo Rodrigues (PDT).

Outros que possuem conta e podem se candidatar pouco usam o microblog para divulgar atividade parlamentar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.