A migração dos eleitores

A migração do eleitorado em ano de pleito municipal sempre é desfavorável à capital do Maranhão. Para a maioria dos eleitores é a grande oportunidade de visitar parentes no interior com passagem bancada por candidatos. Por isso, neste início de ano, São Luís perdeu mais de 2 mil eleitores. Foram 4.404 transferências saindo e 1.911 transferências chegando à capital.

Já São José de Ribamar ganhou quase mil eleitores. Foram registradas 584 saídas e 1.491 transferências para o município. Imperatriz, assim como a capital, perdeu eleitores.

De acordo com o calendário eleitoral, a migração de eleitores poderá ocorrer até o dia 9 de maio. Podem solicitar a transferência quem reside há pelo menos três meses em novo domicílio, esteja quite com a Justiça Eleitoral e que tenha transcorrido pelo menos um ano da última transferência ou alistamento. O prazo de três meses não é válido para servidores públicos civis e militares ou membros de autarquias.

ELEITORES QUE SAEM

MUNICÍPIO                     ELEITORES

São José de Ribamar         584

Raposa                                148

Paço do Lumiar                 483

São Luís                             4.404

Bacabal                              507

Caxias                                855

Timon                               632

Imperatriz                      1.893

 ELEITORES QUE CHEGAM

MUNICÍPIO                      ELEITORES

São José de Ribamar         1.491

Raposa                                   89

Paço do Lumiar                   491

São Luís                                1.911

Bacabal                                 278

Caxias                                   525

Timon                                   604

Imperatriz                           602

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.