Mortes abalam política da Ilha

Alisson Silveira: assassinado após reagir a assalto.

Duas mortes de políticos na Grande São Luís nas últimas horas. A primeira foi um trágico assassinato de um candidato a vereador em São Luís e a segunda foi o falecimento do ex-presidente da Câmara municipal de São Luís, Raimundo Assub.

O candidato a vereador Alisson Roberto da Silveira (PDT), 33 anos, foi morto com um tiro na cabeça após reagir a um assalto no centro de São Luís na noite desta terça-feira (14).

Alisson estava na companhia da namorada quando foi abordado por quatro homens que pediram as chaves do carro dele. Alisson se recusou a entregá-las e foi alvejado. Ele era instrutor de autoescola e já havia sido candidato a deputado estadual em duas eleições. O corpo dele está sendo velado na Central de Velórios na Rua Osvaldo Cruz, Centro.

Amigo de João Alberto, Raimundo Assub (de vermelho) morreu vítima de infarto.

Já o ex-vereador Raimundo Assub faleceu aos 70 anos de idade, vítima de um infarto fulminante, quando se encontrava em sua residência, na Raposa. O velório está sendo realizado na Câmara Municipal de São Luís. Assub passou mal em casa e chegou a ser levado para o Hospital UDI.

Assub tinha 70 anos, foi eleito vereador de São Luís por cinco vezes e chegou a assumir o cargo de prefeito de São Luís, em substituição a Jackson Lago em uma de suas viagens.

O político chegou a ser pré-candidato a prefeitura de Raposa, mas desistiu da candidatura nesta eleição. Ele era o presidente do PMDB na cidade. a convite de João Alberto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.