Astro de Ogum: “tenho mil defeitos, mas ladrão ainda não”

Astro disse que iria averiguar denúncias.

O vereador Astro de Ogum (PMN) falou na tribuna sobre a denúncia do blog do Luis Cardoso de que ele poderia perder o mandato e ser preso por conta do pagamento de servidores com salário mínimo ainda recebendo R$ 622 e não $678, que é o valor do SM desde janeiro deste ano.

Astro disse que assumiu a presidência da Câmara em 1º de fevereiro (praticamente jogando a batata quente no colo do presidente licenciado, Isaías Pereirinha), assim, não tendo participação no processamento da folha e nos valores que os servidores estão ganhando. “Eu não tenho uma ação contra mim. Não maculo a imagem de ninguém, então não posso aceitar esta ‘sem-vergonhice’. Estou a um mês como presidente e encontrei as folhas prontas”, afirmou.

O presidente em exercício da Câmara disse que nada tinha a esconder e iria buscar coma procuradoria e a direção financeira quem eram os servidores e pensionistas que estão ganhando R$ 622. “Tenho mil defeitos, mas ladrão ainda não”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.