PMDB vai brigar na Justiça pelos mandatos de deputados que sairam do partido

Roberto Costa: partido pedirá mandatos

Roberto Costa: partido pedirá mandatos

O PMDB vai solicitar na justiça a devolução dos mandatos dos parlamentares que saíram da legenda sem autorização. Deixaram os partido os deputados Stênio Rezende e Fábio Braga. A previsão é que o partido dê entrada na ação na próxima terça-feira (15).

A informação foi dada pelo deputado Roberto Costa, presidente municipal da legenda.  “Vamos reivindicar todos os mandatos, independente de quem que seja. Estamos preparando a ação e vamos dar entrada na próxima terça-feira, visto que o prazo para encaminhamento da relação de filiados ao Tribunal Eleitoral expirar somente dia 14”, disse Roberto Costa.
Max Barros também ameaçava deixar a legenda, mas resolveu permanecer diante da ameaça. Em discurso na tribuna da Assembleia, Max disse que em nome do grupo, ficaria no PMDB.
Fábio Braga está de mala e cuia no PTdoB. Stênio Rezende deve oficializar a filiação ao PRP na tarde de hoje.
O curioso no caso de Stênio é que o partido sequer poderá pedir o mandato por perda de prazo. O deputado foi mais esperto e já está desfiliado desde junho. O prazo para que o partido peça o mandato é de 30 dias. O suplente e o MP tem 60 dias de prazo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *