Prefeitura trata acordos individuais com cooperados e terceirizados

Secretário de Educação, Geraldo Castro, não fugiu do debate com manifestantes.

Secretário de Educação, Geraldo Castro, não fugiu do debate com manifestantes.

Prefeitura de São Luís e cooperados e terceirizados reuniram-se na manhã desta quarta-feira (18) para assinatura particularizada dos termos de adesão ao acordo coletivo e definitiva resolução de pendências. A Secretaria Municipal de Educação mantém postura de diálogo com os servidores que participaram do acordo coletivo. Hoje, tratou da regularização da documentação para pagamento no início do ano que vem.

Sob determinação expressa do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o secretário de Educação, Geraldo Castro, esteve pessoalmente com cada um dos cooperados que optaram pela assinatura do acordo, agora de maneira individual, definido perante o Ministério Público do Trabalho. A partir do início da atual gestão, poder público e cooperados têm conjuntamente buscado viabilizar o ajuste do pagamento pelos serviços prestados, obedecendo a critérios orçamentários.

Durante toda a manhã, os trabalhadores conversaram com o representante da gestão pública municipal e obtiveram o reforço do compromisso da Prefeitura em cumprir as decisões jurídicas, dentro da capacidade financeira do município.

Além de Castro, também acompanharam o trabalho os vereadores Fábio Câmara (PMDB), Rose Sales (PCdoB) e Damasceno (PSL), comissão organizada pelos trabalhadores, e a equipe da Semed, que participou das orientações do passo a passo do trâmite aos cooperados, além de tirar dúvidas quanto aos detalhes dos processos individuais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.