Sindicato já foi notificado da ilegalidade da greve dos professores

Oficial notificou presidente do Sindicato

Oficial notificou presidente do Sindicato

Um oficial de Justiça entregou na tarde desta quarta-feira (4), na Câmara municipal, à professora Elizabeth Castelo Branco, presidente do Sindicato dos Profissionais do Magistério do Ensino Público de São Luís, a notificação de que a greve dos professores foi considerada ilegal.

Devidamente notificado, o Sindicato passa a responder legalmente por não descumprir as medidas determinadas pelo desembargador Guerreiro Júnior. Durante o protesto em frente à residência do prefeito, a professora Elisabeth disse que o o Sindeducação não havia sido notificado e por isso não responderia pela determinação, alegando que buscaria reverter a decisão. De fato, o Sindicato pode recorrer, mas momentaneamente acatar a decisão judicial.

A decisão autoriza o município a executar o desconto em folha dos servidores pelos dias não trabalhados e anotações funcionais daqueles servidores que continuarem em greve após a decretação da ilegalidade. O parecer permitiu ainda que a gestão municipal instaure processo administrativo disciplinar para apuração de responsabilidade funcional e determinou multa diária no valor de 10 mil reais no caso de descumprimento da ordem judicial.

1 pensou em “Sindicato já foi notificado da ilegalidade da greve dos professores

  1. Professores merecem respeito. Uma greve com menos de uma semana e já foi declarada ilegal. Judiciário e imprensa a serviço da prefeitura. E o oficial de Justiça foi buscar a presidente do sindicato lá na Câmara de tanta pressa de notificar?? Os professores querem ser ouvidos e a prefeitura insistir em cercear o direito de discussão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *