Cassação de Teresa Murad está publicada e presidente da Câmara já deveria ter tomado posse

sentença

Sentença que cassa Teresa Murad já está publicada

Foi publicado no Diário Oficial da Justiça Eleitoral desta segunda-feira (17), a sentença que cassou a prefeita de Coroatá, Teresa Murad, e a vice, Neuza Muniz. O ofício para o cumprimento da decisão também foi expedido nesta segunda-feira. Assim, o presidente da Câmara Municipal, César Trovão, já deveria ter assumido interinamente o cargo de prefeito.

Até o momento, não parece existir um motivo fundamentado para a Câmara Municipal ainda não ter dado posse ao presidente da Câmara, que por sinal, é irmão da prefeita cassada. Caso o parlamento não cumpra a decisão imediatamente, incorrerão em crime de desobediência (Art. 330, do Código Penal).

teresaO presidente deve tomar posse nesta terça-feira (18). A partir daí, o TRE terá de 20 a 40 dias para convocar novas eleições em Coroatá.

A prefeita foi cassada por abuso de poder econômico e político. Ela, a vice e o secretário de saúde, Ricardo Murad, tiveram os direitos políticos cassados por oito anos, a contar de 2013.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *