Relação grupo Sarney-Murad e empresas que tentam “melar” licitação da saúde

O presidente do PSDC e representante da Idac, Aragão, ao lado de Roseana Sarney

O presidente do PSDC e representante da Idac, Aragão, ao lado de Roseana Sarney

As relações entre o grupo Sarney e as duas empresas que estão por trás do boicote à licitação das OSCIPs é intrínseca. Idac e Cifet têm como representantes legais dois filiados ao PSDC, partido da coligação de Edinho Lobão nas últimas eleições. O dono da Idac é Dr. Aragão, presidente do PSDC e aliado de primeira hora de Ricardo Murad. Já o presidente da Cifet é do ex-assessor da Sinfra, Anderson Michael Costa.

Os interesses dos representantes das empresas são, na realidade, os interesses do ex-secretário Ricardo Murad. A Cifet já entrou na Justiça contra a licitação do governo. O presidente, Anderson Costa, membro do PSDC, era funcionário da secretaria estadual de Infraestrutura no governo Roseana.

Já a Idac, de Aragão, teve generosos contratos com Ricardo Murad. A empresa tinha contratos com o hospital de Carutapera e Monção. Somente para Monção, foi assinado contrato de R$ 26.460.000,00, com valor mensal de R$ 2.205.000,00 em agosto de 2013 com vigência de 12 meses.

São estas empresas de propriedade de pessoas com estreita ligação ao grupo Sarney e a Ricardo Murad que tentam melar a licitação das OSCIPs e manter privilégios a poucos. Idac e Cifet, mesmo antes do resultado, entraram com Ação contra o concurso de OSCIPs. Prova de que sabiam claramente que não teriam chance e a intenção de sua entrada no certame foi exatamente esta: “melar”.

O governo reduziu os valores dos contratos e quer dividir entre mais empresas a gestão antes dominada por ICN, Bem Viver e Idac.

3 pensou em “Relação grupo Sarney-Murad e empresas que tentam “melar” licitação da saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *