Governo abre 2880 vagas de cursos profissionalizantes

Qualificação para melhor posicionamento no mercado de trabalho

Qualificação para melhor posicionamento no mercado de trabalho

O Governo do Maranhão disponibilizará 2880 vagas de cursos profissionalizantes para 13 municípios maranhenses. As inscrições para os cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) de Auxiliar Administrativo e Auxiliar de Marketing e Vendas ofertados pelo Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) iniciam na próxima segunda-feira (25). A formação profissional à distância é voltada para quem tem mais de 18 anos e já concluiu ou está cursando o Ensino Médio.

Com carga horária de 160 horas, os cursos têm duração de, aproximadamente, dois meses (de 08 de junho a 07 de agosto de 2015). As aulas da modalidade semi-presencial serão ministradas nos Centros de Capacitação Técnica (CCT), no Centro de Vocação Tecnológica Estaleiro Escola e em escolas públicas da rede estadual. As inscrições gratuitas serão realizadas no site www.sg.ip.tv/inscricoes2015 até 30 de maio.

As ofertas atendem às demandas locais, possibilitando o crescimento profissional dos alunos. Para o Secretário Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Bira do Pindaré, ao ofertar os cursos o governo Flávio Dino aposta na inclusão social e na geração de oportunidades. “A Formação Inicial e Continuada é uma forma de inclusão social, uma vez que os jovens podem, em pouco tempo, se tornar empreendedores qualificados”.

O edital pode ser acessado no endereço www.secti.ma.gov.br, com todos os prazos e distribuição das vagas, que serão preenchidas de acordo com a confirmação de matrícula dos candidatos, realizada pela internet. Os municípios contemplados pelos cursos são: Açailândia, Balsas, Mata Roma, Barra do Corda, Carolina, Caxias, Codó, Colinas, Imperatriz, Pinheiro, Pedreiras, Santa Inês e São Luís. A lista com os nomes dos inscritos estará disponível no site no dia primeiro de junho.

Jovens Aprendizes

As FIC’s dialogam com a proposta do governo Flávio Dino de assegurar educação de qualidade, gerando oportunidades. No Fórum Estadual de Aprendizagem Profissional e Inclusão de Adolescentes e Jovens no Mercado de Trabalho do Maranhão, que aconteceu no final de abril, o governador anunciou que a meta é incluir cinco mil pessoas no Programa Jovem Aprendiz até o fim do ano. O Iema garante a profissionalização destes jovens.

“O Governo do Estado tem que dar o exemplo para incentivarmos as empresas do Maranhão a aderirem ao Programa Jovem Aprendiz”, declarou o governador Flávio Dino na ocasião.

A meta do governo é que, ainda neste ano, 5 mil jovens sejam incluídos no programa e comecem a trabalhar. No acumulado dos quatro anos de gestão, a expectativa é que 17 mil jovens aprendizes estejam no mercado de trabalho em todo o estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *