CPI da Saúde pode chegar a Hildo Rocha quando se aprofundar em BNDES

A CPI da Saúde, que começa os trabalhos em agosto, tem um desmembramento lógico que pode levar a irregularidades em outras pastas do secretariado de Roseana Sarney.

Não por mudança do objeto da CPI, mas quando as investigações chegarem aos recursos do empréstimo do BNDES e os prováveis desvios na saúde, indubitavelmente, apontará o uso dos recursos em outras pastas. A secretaria de Cidades, comandada pelo hoje deputado federal, fez uma série de convênios com prefeituras, muitos, com pouco ou quase nada executado.

A farra de convênios com prefeituras onde Hildo teve expressiva votação o colocam no meio do fogo cruzado quando os recursos entrarem na investigação. E ele já coloca as barbas de molho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *