Dia do Sorriso: jovens são selecionados para tratamento odontológico em São Luís

tratamentoodontologicoNa próxima quinta-feira (28), data em que se comemora o Dia Mundial do Sorriso, o programa Dentista do Bem, da OSCIP Turma do Bem, irá selecionar centenas de jovens de baixa renda para receber tratamento odontológico gratuito. Na ocasião, será realizada a quarta edição da Maior Triagem Odontológica do Mundo. A ação, resultado da parceria entre Oral-B e Turma do Bem, acontecerá simultaneamente em mais de 300 munícipios do Brasil, outros 10 países da América Latina e Portugal. A expectativa é que milhares de jovens sejam triados nesse dia.

Em São Luís, a triagem acontecerá no CCCEVP (Centro Comunitário Cultural Eclesial da Vila Passos)

Endereço: Rua 21 de abril, 304 – Vila Passos

Horário: Manhã: das 09 às 11h.

Para participar o jovem deve ter entre 11 e 17 anos, estar acompanhado de um responsável e portar RG, comprovante de residência e de matrícula em escola pública.

Para participar o jovem deve ter entre 11 e 17 anos, estar acompanhado de um responsável e portar RG, comprovante de residência e de matrícula em escola pública.

O evento tem o objetivo de identificar adolescentes de baixa renda que necessitam de tratamento odontológico: “Além disso, a maior triagem do mundo serve para mostrar que ainda existem milhões de brasileiros sem acesso a uma saúde bucal digna”, afirma Dr. Sérgio Oliveira, voluntário da Turma do Bem, organização social que gerencia o Dentista do Bem.

A triagem – O processo é simples, rápido e não invasivo: o dentista faz um exame visual da condição bucal de cada jovem e preenche uma ficha com dados sobre a saúde bucal e a condição socioeconômica da família.

A seleção – Após a triagem, é elaborado um dossiê de cada criança e adolescente com a ficha de avaliação, uma cópia do comprovante de residência e a autorização dos pais ou responsáveis para que o tratamento seja realizado. A seleção é feita por meio da aplicação de um índice de prioridade, que beneficia as crianças e os adolescentes mais pobres, com problemas bucais mais graves e os mais velhos, que estão mais próximos do primeiro emprego. Cada selecionado recebe uma carta com o nome e o endereço do dentista voluntário que será responsável pelo seu tratamento; para facilitar o acesso, a TdB encaminha o beneficiário para o consultório mais próximo da sua residência.

O tratamento – Os dentistas voluntários atendem, em seus próprios consultórios, as crianças e os adolescentes selecionados até eles completarem 18 anos. Curativo, preventivo e educativo, o tratamento é

totalmente gratuito e completo, incluindo, se necessário, radiografias, ortodontia, próteses e implantes, por exemplo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *