Após nove dias, Pacovan já está livre

Por decisão do Juiz Flávio Roberto Ribeiro Soares o agiota Josival Cavalcanti da Silva, o Pacovan, foi solto na manhã deste sábado. Um dos mais conhecidos agiotas do Maranhão, Pacovan foi preso no último dia 4 durante a operação Jenga. Ou seja, passou apenas 9 dias na cadeia.

O agiota é apontado como líder de quadrilha que desviou R$ 200 milhões dos cofres públicos em esquema que envolve várias prefeituras do Maranhão.

Pacovan estava preso por prisão temporária, que só garante a prisão por até 10 dias. O juiz determinou o uso de tornozeleira eletrônica. A prisão poderia ter sido transformada em preventiva. Inclusive a polícia judiciária fez a solicitação alegando o risco à ordem econômica que Pacovan e seu bando causam.

O juiz negou o pedindo afirmando que “esse argumento isolado não revela o periculum libertatis, ainda mais quando em medida cautelar eu já havia autorizado o sequestro de todos os bens do mencionado representado, estando referidos bens indisponíveis”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *