Matéria da Globo News mostra que Maranhão melhorou situação fiscal no atual governo

O GloboNews veiculou matéria hoje falando sobre a crise financeira dos estados brasileiros. A reportagem fez uma comparação entre o mandato anterior dos governadores (2011-2014) e o atual (2015-2017). De acordo com o levantamento, apenas três estados melhoraram a situação de um mandato para o outro: Maranhão, Alagoas e Mato Grosso do Sul.

A matéria exibida na manhã desta quarta-feira (07), desmonta todas as farsas criadas pelo deputado Adriano Sarney de que o Maranhão está quebrado. Economista por formação, o parlamentar vem usando a tribuna da Assembleia constantemente para passar um caos que não existe atualmente no estado.

De acordo com a reportagem do Globonews, o saldo negativo acumulado dos balanços orçamentários dos estados entre um mandato e outro passa da casa dos R$ 46 bilhões. Oito entes da Federação estavam com superávit orçamentário e passaram a ter um déficit. Essa é uma crise estadual generalizada. Boa parte dessa crise se dá pela recessão que o Brasil enfrentou nos últimos anos e que tem reflexos nos atuais mandatos dos governadores.

A queda da receita e o desemprego também agravou esse quadro, já que fez com que muitas pessoas que usavam serviços particulares de educação e saúde, vieram a usar o serviço público, aumentando essa demanda. Ao todo, oito estados que tinham superávit passaram a ter déficit: Bahia, Mato Grosso, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Sergipe.

Destaque em meio a crise, o Maranhão segue sendo referência nacional pela gestão equilibrada. Já neste ano, um levantamento do jornal Folha de São Paulo colocou o estado na 4ª posição como o que mais investe entre todos do Brasil. A administração fiscal também está entre as melhores do país, segundo instituições como o Tesouro Nacional e a Federação das Indústrias do Rio de Janeiro.

Enquanto os sarneyzistas estrebucham e tentam passar para a população um pandemônio inexistente, o governador Flávio Dino trabalha e colhe os frutos do seu empenho. Hoje, o Maranhão é exemplo nacional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.