Rodoviários e empresários entram em acordo e acaba a possibilidade de greve

Os rodoviários e os empresários do setor do transporte coletivo entraram em um acordo e as ameaças de paralisação do sistema encerraram. Em reunião realizada no Tribunal Regional do Trabalho o sindicato aceitou o reajuste de 7% encerrando o movimento.

O presidente do SET, Gilson Neto, defendeu reajuste de 5%, enquanto o presidente do sindicato dos rodoviários, Isaías Castelo Branco, pedia 8% para a categoria. Em meio às negociações, foram várias ameaças de paralisação.

Também foi acordada a continuação da função do cobrador, que foi questionada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de São Luís (SET), além do valor integral do plano de saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.