Maranhão chega a 204 mortes por coronavírus e tem 784 recuperados

Em boletim divulgado na noite desta quinta-feira (30), a secretaria de Estado da Saúde (SES) contabiliza 316 novos casos positivos de COVID-19 no Maranhão. De acordo com os dados, sobe para 3506 o número de casos positivos, sendo 204 óbitos. A SES registra, ainda, 166 casos negativos e 784 pessoas recuperadas.

A SES confirma mais vinte óbitos, sendo um homem de 75 anos, sem comorbidades, residente em São Benedito do Rio Preto; homem de 44 anos, com hipertensão e diabetes, residente em Cachoeira Grande; mulher de 37 anos, com hipertensão, diabetes e problemas neurológicos, residente em Esperantinópolis; homem de 69 anos, com diabetes, residente em Bacabeira. Os outros dezesseis óbitos foram registrados em São Luís, sendo 13 homens e três mulheres, são eles: homem de 75 anos, com hipertensão e diabetes; homem de 81 anos com hipertensão; homem de 89 anos, com hipertensão; mulher de 62 anos, com hipertensão e diabetes; mulher de 44 anos, com Doença Renal Crônica; homem de 75 anos, com hipertensão; homem de 58 anos, com hipertensão e diabetes; homem de 74 anos, com hipertensão; homem de 62 anos, com diabetes; homem de 71 anos, sem comorbidades; homem de 63 anos, com hipertensão e diabetes; mulher de 53 anos, com hipertensão, diabetes, problemas cardiológicos e Doença Renal Crônica; homem de 84 anos, com problemas cardiológicos; homem de 79 anos, com hipertensão e diabetes; homem de 79 anos, com diabetes e homem de 83 anos, com hipertensão, diabetes e problemas cardiológicos.

A SES registra ainda 449 profissionais de saúde infectados pelo novo coronavírus no Maranhão. Destes, 349 já estão recuperados.

Na revisão de dados, o município de Pedreiras teve o número reduzido para cinco casos, o outro caso foi remanejado para Trizidela do Vale, local de residência do paciente. O município de Trizidela do Vale também teve um caso remanejado para Esperantinópolis, residência atual do paciente com resultado positivo para Covid-19.

Leitos de UTI

O governo conseguiu colocar ainda mais leitos em funcionamento nesta quinta-feira (30). Mas a situação está longe de poder ser considerada tranquila. Mas deixou de ser caótica. Ontem, eram 149 leitos de UTI e hoje passaram a ser 161 disponíveis.

Mesmo aumentando a oferta, a demanda não para de aumentar. Se ontem estavam ocupados 119 em uma taxa de ocupação é de 79,87%, hoje já estavam ocupados 125 e a taxa de ocupação não reduziu muito: passou a ser de 77,64%.

Quanto aos leitos clínicos, estão disponíveis 351 e, destes, estão ocupados 205. Uma taxa de ocupação de 58,40%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *