Pela segunda vez, PF prende criminosos sacando milhares de auxílio emergencial no MA

A Polícia Federal no Maranhão prendeu em flagrante de três homens nesta quarta-feira (20), após o saque indevido de R$ 26.054,55. O valor corresponde ao Auxílio Emergencial do Governo Federal pago por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Os indivíduos foram conduzidos a Superintendência Regional da Polícia Federal no Maranhão por policiais militares, quando foram surpreendidos na posse de 238 cartões do Bolsa Família, em nome de diversas pessoas. A prisão agência da Caixa Econômica Federal, localizada na Praça João Lisboa, no Centro de São Luís.

Os indivíduos devem ser indiciados pelo crime de estelionato previsto no art. 171, § 3º, do Código Penal Brasileiro.

É a segunda vez que o mesmo tipo de crime é realizado no Maranhão. No dia 30 de abril, criminosos sacaram R$ 96.573,00 também com vários cartões de Bolsa Família na Agência da Caixa Econômica Federal, localizada na Praça João Lisboa.

Mas até agora, a Polícia Federal não disse nada sobre o modus operandi e como estes bandidos estão tendo acessos a estes cartões, até para ajudar a proteger os beneficiários verdadeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *